Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Mundo

CORONAVÍRUS

Nicolás Maduro defende cloroquina no tratamento da Covid-19

Publicado em: 15/05/2020 20:14 | Atualizado em: 15/05/2020 22:47

Nicolás Maduro, presidente da Venezuela (Foto: Federico Parra/AFP )
Nicolás Maduro, presidente da Venezuela (Foto: Federico Parra/AFP )
O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, utilizou as redes sociais para parabenizar os pesquisadores e profissionais da saúde que atuam para o combate da Covid-19 no país. No Twitter, ele afirmou que a produção da cloroquina difosfato vem avançando e será utilizada para o tratamento da doença em pacientes venezuelanos. 

A decisão do líder chavista é um ponto de interseção com o posicionamento do presidente Jair Bolsonaro, que é entusiasta do uso do medicamento na terapia de pacientes com coronavírus no Brasil. 

Utilizada para o tratamento de doenças como lúpus, malária e artrite, a cloroquina tem sua eficácia questionada por especialistas para o tratamento da Covid-19. A substância pode gerar efeitos colaterais graves que afetam o coração e podem levar à morte.

A Academia de Ciências Físicas, Matemáticas e Naturais da Venezuela contestou o presidente Maduro pela decisão de liberar o uso da medicação no tratamento do novo coronavírus, publicando relatório científico sobre os casos da Covid-19 no país, que põe em dúvida os números oficiais publicados até agora.

O governo reagiu em tom de ameça ao documento da academia. "Li este artigo e li as referências, isto é um convite para que os órgãos de segurança do Estado convoquem estas pessoas. Estão causando alarme", respondeu número 2 do chavismo, Diosdado Cabello, durante seu programa semanal.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Um ato por justiça e solidariedade
Resumo da semana: criança morre ao cair de prédio e reabertura pós-quarentena
05/06: Manhã na Clube com Rhaldney Santos
Covid-19 põe indígenas amazônicos em grande risco
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco