Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Mundo

PESQUISAS

Lhama belga pode ajudar na busca por uma cura para a Covid-19

Publicado em: 18/05/2020 11:57

Um pequeno anticorpo produzido pelas lhamas é eficaz no bloqueio do novo coronavírus, descobriram pesquisadores da Universidade Belga de Ghent, alegando "um avanço muito importante" para o tratamento antiviral. 

O professor Xavier Saelens, do Instituto Flamengo de Biotecnologia (VIB), explicou à AFP que não é a primeira vez que animais da família dos camelídeos (dromedários, lhamas, alpacas) são usados na Bélgica em pesquisas médicas. 

Essa lhama, que vive em rancho de um laboratório belga, guarda em suas células um elemento que pode ser promissor no tratamento contra a Covid-19.

Os estudiosos descobriram que quando o sistema imune das lhamas detecta um invasor externo, como um vírus ou uma bactéria, o seu organismo produz um anticorpo do tamanho de um quarto do tipo de anticorpo que é desenvolvido pelos humanos.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Irmão de George Floyd pede à população: votem!
Polícia Federal apreende drogas enviadas por encomenda
02/06: Manhã na Clube com Rhaldney Santos
01/06: Manhã na Clube com Rhaldney Santos
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco