Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Mundo

Vaporizadores

Empresa suspende venda de sabores para cigarros eletrônicos nos EUA

Por: FolhaPress

Publicado em: 17/10/2019 22:37

Os Estados Unidos estão combatendo os cigarros eletrônicos, que foram lançados há uma década e nos últimos anos se tornaram muito populares entre os jovens - Foto: Eva Hambach/AFP.
A marca líder de cigarros eletrônicos nos Estados Unidos, Juul, anunciou nesta quinta-feira (17) a suspensão da venda de recargas com sabores não mentolados, enquanto o governo de Donald Trump prepara uma proibição nacional.

A empresa informou que deixará de vender os sabores de manga, creme, morango e pepino até que as autoridades federais de saúde finalizem os novos regulamentos para os vaporizadores. Já as cargas com aroma de tabaco, mentol e hortelã seguem comercializadas.

Os Estados Unidos estão combatendo os cigarros eletrônicos, que foram lançados há uma década e nos últimos anos se tornaram muito populares entre os jovens, segundo várias pesquisas.

A indústria defende o papel dos dispositivos a vapor como uma alternativa mais saudável aos cigarros para ajudar as pessoas a parar de fumar. Mas os legisladores de todo o país e do exterior estão tentando ou já adotaram uma proibição total ou parcial para proteger os jovens.

O governo de Donald Trump decidiu proibir as cargas aromatizadas para os vaporizadores, uma medida que também incluiria os sabores muito populares como menta e mentol, informou em setembro a Secretaria de Saúde, embora o texto ainda não tenha sido publicado.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Segundo turno em PE: João Campos é eleito prefeito do Recife
Polícia Federal caça responsáveis por tentativa de ataque ao sistema do TSE
Apesar de empate em pesquisas, João Campos confia em vitória
Marília Arraes tem agenda intensa no dia que decide a eleição no Recife
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco