SATÉLITE Queimadas na Floresta Amazônica podem ser vistas do espaço, mostra Nasa

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 22/08/2019 10:43 Atualizado em: 22/08/2019 10:59

Foto: Agência Nasa/Reprodução
Foto: Agência Nasa/Reprodução
As fortes queimadas que atingem a Floresta Amazônica desde o mês de julho podem ser vistas do espaço, de acordo com fotos do salétie Aqua, da Nasa. No Twitter, a agência espacial americana alerta que o número de queimadas no Brasil pode ser o recorde. 

Segundo dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), entre janeiro e agosto deste ano, as queimadas aumentaram 83% em relação ao mesmo período do ano passado - o que representa o maior número registrado nos últimos sete anos, com 72.843 pontos de incêndios. 

Nesta quinta-feira, o presidente Jair Bolsonaro voltou a dizer que as ONGs eram suspeitas de estarem por trás do crime ambiental na Floresta Amazônica. 'É, no meu entender, um indício fortíssimo que esse pessoal da ONG perdeu a teta deles. É simples', reagiu. O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, segue a mesma linha do presidente. Denunciado por ser omisso, ele falou que teria disponibilizado equipes para acompanhar os incêndios. No entanto, chamou o alerta mundial de 'sencionalismo irresponsável'. 

Respondendo aos ataques sem provas do presidente, a coordenação do Observatório do Clima, coalizão de cerca de 50 ONGs do País em prol de ações contra as mudanças climáticas,  disse que o "recorde de queimadas reflete irresponsabilidade de Bolsonaro". Em outra carta, um grupo de 81 ONGs afirmou que "Bolsonaro não precisa de ONGs para queimar a imagem do Brasil no mundo inteiro".





Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.