Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Economia

DELIVERY

Olinda e Camaragibe lançam plataforma gratuita para empreendedores locais

Publicado em: 06/04/2020 18:40

Os sites visam dar visibilidade aos negócios locais.
Dois municípios pernambucanos lançam plataforma gratuita para beneficiar pequenas e médias empresas do município. Em Olinda, foi desenvolvida a Delivery Olinda (https://delivery.olinda.pe.gov.br/). O ambiente tem o objetivo de auxiliar os empreendedores informais e formais do município, beneficiando diretamente as micro, pequenas e médias empresas, que atuam com produtos e utilizam o serviço de entrega, tipo delivery, em suas rotinas de venda. A iniciativa é da Sala do Empreendedor de Olinda, ligada à Secretaria de Patrimônio, Cultura, Turismo e Desenvolvimento Econômico em parceria com o Sebrae e CDL Olinda. 

O site permite que os empreendedores cadastrem gratuitamente seus catálogos de produtos; canais de comunicação; redes sociais; categorias de produtos; bairros de atendimento e logomarca do empreendimento. Os padrões de imagem recomendados são 500X500 pixels ou 1080X1080 pixels. Para fazer o cadastro gratuito basta acessar o site  https://delivery.olinda.pe.gov.br/

Os empreendedores contarão ainda com consultoria especializada. Basta realizar o agendamento para o tema específico. Ao final será gerado um catálogo online, que poderá ser acessado por qualquer pessoa, em qualquer dispositivo móvel ou computador, contendo uma lista de empreendedores que realizam atendimento delivery na cidade. 

Os empreendedores interessados devem procurar atendimento na Sala do Empreendedor de Olinda, sempre no horário de 08h às 13h, via whatsapp nos números (81) 9.9103.5.359 e (81) 996.159.255

Já a Prefeitura de Camaragibe lançou a plataforma online Comércio Local Camará, no endereço https://comerciolocal.camaragibe.pe.gov.br/.  O site está no ar para cadastrar estabelecimentos delivery’s, profissionais autônomos, como segurança, encanador, jardineiro e motoboys, dentre outros. A partir da próxima semana, quando o banco de estabelecimentos/profissionais estiver completo, a população poderá ter total acesso à plataforma. A iniciativa vem também como forma de contribuir diretamente para a geração de renda e movimentação da economia local.

Poderão cadastrar-se comerciantes do setor alimentício (lanches, refeições, produtos, frutas e verduras, temperos); de materiais de limpeza; informática; água; gás; medicamentos; doces e sorvetes; motoboys para serviços de entrega; encanadores; segurança; jardineiro; tratador de piscina; motorista; entre outros. O munícipe poderá usar a plataforma online para pesquisar o tipo de serviço que ele precisa e escolher dentre os profissionais e estabelecimentos cadastrados. Com isso, a comunicação entre comerciante/profissional autônomo e comprador será facilitada e não precisará de nenhum contato físico de ambas as partes, com exceção apenas da entrega do serviço. “A ideia é fazer a economia continuar funcionando, além de ajudar os nossos comerciantes e trabalhadores informais a não passarem por esta quarentena sem desenvolver o seu trabalho e ganhar o seu sustento. Tudo sendo pensando de forma a beneficiar o empreendedor e o cidadão, respeitando as determinações governamentais de distanciamento social e isolamento por conta do novo Coronavírus”, explicou a diretora de Fomento ao Setor Produtivo, Luana Braga.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Resumo da semana: brasileiros vetados nos EUA, Bolsonaro x STF e natimorto com Covid-19
29/05: Manhã na Clube com Rhaldney Santos
A pandemia em Pernambuco - notícias de 28/05
Ciência e quarentena: você pode ajudar a mapear anfíbios urbanos
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco