Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Economia

REUNIÃO

Ministros de Comércio do Brics observam perda de impulso na economia mundial

Publicado em: 11/11/2019 19:20

 (Foto: Marcello Casal JrAgência Brasil
)
Foto: Marcello Casal JrAgência Brasil
Reunidos nesta segunda-feira em Brasília, os ministros de Comércio do Brics observaram aumento de incertezas e de perda de impulso na economia mundial, que afetam a possibilidade do comércio global, desde o último encontro do grupo.

"Nesse contexto, reconhecemos o importante papel do Brics como plataforma de cooperação que pode melhorar as oportunidades de comércio e investimento", diz o comunicado conjunto divulgado após a 9ª Reunião de Ministros de Comércio do Brics. O encontro é uma preparação para a 11ª Cúpula, que ocorre nos dias 13 e 14 de novembro, sob o tema "Brics: Crescimento econômico para um futuro inovador".

Os ministros participantes do encontro afirmam concordar que a "liberalização do comércio é um elemento essencial para liberar o potencial de crescimento econômico e desenvolvimento sustentável". Eles também enfatizaram a necessidade de um ambiente de comércio internacional transparente, baseado em regras e aberto.

"Reiteramos nosso total apoio ao sistema de comércio multilateral baseado em regras, com a OMC em seu núcleo. É essencial que todos os membros da OMC evitem medidas unilaterais e protecionistas que são contrárias ao espírito e às regras da OMC", diz o comunicado.

Os ministros do Brics reconheceram a importância da reforma na OMC, para garantir a eficácia e a relevância da organização e de sua capacidade de enfrentar melhor os desafios atuais e futuros. "Nossos países trabalharão com todos os membros da OMC para avançar em um processo de reforma necessária, equilibrada, aberta, transparente e que promova a inclusão e o desenvolvimento. A reforma deve, entre outras coisas, preservar a centralidade, os valores centrais e os princípios fundamentais da OMC e considerar os interesses de todos os membros, incluindo países em desenvolvimento e PMDs."

No comunicado, o grupo destaca que o mecanismo de solução de controvérsias da OMC, incluindo seu órgão de apelação, "é uma pedra angular do sistema comercial multilateral".

"Seu trabalho é essencial para o funcionamento adequado e eficaz da Organização. Continuamos comprometidos com a preservação de um sistema de adjudicação vinculativo em duas etapas para disputas na OMC. Instamos todos os Membros da OMC a se engajarem construtivamente, como uma questão prioritária, no esforço de garantir a continuação de um Órgão de Apelação totalmente operacional."

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Músico vence limitações do distanciamento social oferecendo shows particulares por encomenda
03/07 Manhã na Clube com Rhaldney Santos
Destaques da semana: caso Miguel, Decotelli fora do MEC e retorno do Campeonato Pernambucano vetado
Inscrições para o Vestibular 2020.2 da Unicap vão até 15 de julho
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco