Diario de Pernambuco
Busca

reforma da previdência

Bolsonaro conversa com prefeitos e deputados pela PEC da Previdência

Publicado em: 10/04/2019 07:43

Bolsonaro ao lado de Maia e de Davi Alcolumbre, presidente do Senado, na 22ª Marcha em Defesa dos Municípios. Foto: Ed Alves/CB/D.A Press
O governo ampliou a articulação política. O presidente Jair Bolsonaro se engajou no diálogo com prefeitos e conversou com presidentes e líderes partidários. Ontem, cumpriu uma agenda cheia. Pela manhã, sinalizou, na 22ª Marcha em Defesa dos Municípios, a intenção de partilhar recursos da União com estados e municípios, em um aceno por apoio à aprovação da reforma da Previdência. Disse que não gostaria de ter de fazer a atualização nas regras de aposentadoria, mas que é obrigado para colocar o Brasil no rumo do crescimento econômico. À tarde, a reforma voltou à pauta, mas em reuniões com as bancadas nacionais do PR e do Solidariedade.

Os movimentos são inteiramente voltados para aprovar a reforma. O presidente é sincero quando diz que quer um governo com “mais Brasil, menos Brasília”, de descentralização e divisão de recursos com estados e municípios, dizem interlocutores. Mas, inegavelmente, há um apelo para obter apoio dos prefeitos. Com as eleições municipais de 2020 no horizonte, parlamentares e prefeitos já mantêm conversas de olho no fortalecimento da base eleitoral. Sabem que precisarão de uma economia fortificada para construir cabos eleitorais fortes.

Por essa razão, diálogos feitos por prefeitos municipais ganham mais relevância no contexto da reforma da Previdência. Em outro período, a pressão poderia ter impacto diferente, uma vez que prefeitos dependem de emendas impositivas que são destinadas pelos próprios parlamentares. Por apoio, Bolsonaro acenou com a intenção de ampliar a autonomia de estados e municípios por meio do pacto federativo para que os entes decidam como aplicar os recursos públicos.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, recebeu de Bolsonaro “sinal verde” para discutir o pacto federativo e majorar o Fundo de Participação dos Municípios por emenda constitucional. “Aqui, não existe presidente da República, governador ou prefeito. Somos todos iguais na busca de um mesmo objetivo, que é o bem-estar da população. O Brasil é nosso”, declarou o presidente da República.

Presente no evento, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que não se trata de aprovar o pacto federativo como contrapartida ao apoio dos prefeitos à reforma. Mas ressaltou que a Previdência é que vai gerar as condições para que o governo possa cumprir com o compromisso de Guedes. “E dividir os bônus de assinatura não só dos royalties do pré-sal da cessão onerosa. Vai, também, permitir que construamos uma condição da Lei Kandir e implementarmos o pacto federativo”, sustentou.

A cobrança por apoio, que reuniu Bolsonaro com as lideranças do PSD e do Solidariedade, volta à pauta hoje, quando o presidente deve receber as bancadas de Podemos, Novo, PSL e Avante. A depender da sinalização das legendas anteriores — à exceção do PSL, partido do presidente da República —, devem se posicionar como independentes e vão afirmar ao pesselista que não entrarão na base governista nem fecharão questão pela reforma. Os partidos devem sugerir mudanças nas regras do Benefício de Prestação Continuada (BPC) e da aposentadoria rural.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL

Aceitação do PIX no comércio eletrônico sobe 361%.

15/08/2022 às 07h15

Denise Dowse, atriz de Barrados no Baile, morre aos 64 anos

14/08/2022 às 18h09

Benito di Paula celebra 80 anos com turnê ao lado do filho

14/08/2022 às 17h20

Gastos reais com funcionalismo caem para menor nível desde 2008

14/08/2022 às 17h04

Bolsonaro e Lula podem se encontrar em posse de Moraes no TSE

14/08/2022 às 15h51

'Em 100 anos saberá': os sigilos decretados na era Jair Bolsonaro

14/08/2022 às 15h50

Salman Rushdie mostra primeiros sinais de recuperação após ser esfaqueado

14/08/2022 às 15h47

Jessica Watkins, a astronauta candidata a ir à Lua e a Marte

14/08/2022 às 15h45

Europa tem verão com recorde de superfície queimada por incêndios

14/08/2022 às 15h43

Eleições 2022: veja o que pode ou não no dia da votação

14/08/2022 às 15h41

Explosão atribuída ao crime organizado deixa 5 mortos no Equador

14/08/2022 às 14h14

Eduardo Bolsonaro ironiza live de Lula: 'Alguém do marketing vai rodar'

14/08/2022 às 14h09

Waldemar Oliveira parabeniza participantes de Congresso da UVP

14/08/2022 às 13h53

Policial que matou lutador Leandro Lo foi a boate e motel após o crime

14/08/2022 às 13h45

Ipea: Brasil deve encerrar 2022 com índices de extrema pobreza em queda

14/08/2022 às 13h41

Monark defende quem consome pornografia infantil: 'Não sei se é criminoso'

14/08/2022 às 13h39

Entidade alerta para risco de diabetes em gestantes

14/08/2022 às 13h36

Brasil deve encerrar 2022 com índices de extrema pobreza em queda

14/08/2022 às 13h34