Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Brasil

PARANÁ

MP pede prisão de mulher com coronavírus que foi a festa com 200 pessoas

Publicado em: 23/03/2020 17:55

 (Foto: Reprodução)
Foto: Reprodução
O Ministério Público do Paraná (MPPR) pediu a prisão domiciliar ou aplicação de alguma multa restritiva contra uma veterinária de 33 anos, moradora de Foz do Iguaçu, no oeste do estado. Ela foi a primeira paciente diagnosticada com coronavírus na cidade e não cumpriu o período de quarentena, mesmo sob suspeita de infecção da Covid-19.

De acordo com a 9ª Promotoria de Foz do Iguaçu, a mulher chegou a participar de uma festa com 200 pessoas após chegar de uma viagem ao Reino Unido, quando começou a sentir os sintomas da doença. Como os sintomas apresentados eram leves, não foi necessária internação. O MPPR também sustenta que a paciente continuou trabalhando normalmente tanto em Foz do Iguaçu, quanto na cidade próxima de Santa Terezinha de Itaipu.

O promotor Luis Marcelo Mafra Bernardes da Silva, que pediu a punição da veterinária, afirmou que após o caso suspeito ser confirmado, várias pessoas que estiveram no evento ficaram preocupadas de terem sido contaminadas com o novo coronavírus. 

Segundo a Secretaria Estadual de Saúde do Paraná, há 54 casos confirmados de coronavírus no estado, sendo quatro deles em Foz do Iguaçu.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Seminário discute novo marco legal do saneamento básico
Notícias do dia: Enem só em 2021, Bom Jesus entre as ruas mais belas e gays podem doar sangue
Moro: Lula e Bolsonaro são extremos a serem evitados
08/07 Manhã na Clube com Rhaldney Santos
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco