Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Brasil

GUAJAJARA

Mais um líder é encontrado morto em terra indígena no Maranhão

Publicado em: 31/03/2020 16:22 | Atualizado em: 31/03/2020 16:27

Zezico Rodrigues era professor e parte do grupo Guardiões da Floresta (Foto: Arquivo Pessoal)
Zezico Rodrigues era professor e parte do grupo Guardiões da Floresta (Foto: Arquivo Pessoal)
Mais uma liderança indígena foi encontrada morta no estado do Maranhão. Nesta terça-feira (31), o professor Zezico Rodrigues Guajajara, diretor do centro de educação escolar indígena Azuru, foi vítima de uma suposta emboscada numa estrada que dá acesso à aldeia Zutiua. 

Após a notificação da Funai (Fundação Nacional do Índio), a morte do líder indígena foi confirmada pelo governo do Maranhão. O estado afirmou que recebeu a informação de um homicídio, mas até o momento não tem como afirmar a causa do óbito porque uma equipe da Polícia Civil foi enviada à região no começo da tarde. 

Índigenas amigos de Zezico relataram, através de grupos de WhatsApp, que o corpo foi encontrado com marcas de bala, por volta das 12h00 desta terça-feira (31), numa estrada que dá acesso à aldeia em que ele vivia, a Zutiua, no município de Arame (MA), onde moram cerca de mil indígenas.

Zezico fazia parte do grupo Os Guardiões da Floresta, que fiscaliza e se opõe ao roubo de madeira dentro da Arariboia. Estima-se que 120 indígenas atuam como guardiões. Em novembro do ano passo, um dos mais destacados deles, Paulo Paulino, foi morto nesta mesma região. A investigação da Polícia Federal concluiu que ele foi baleado por um grupo de caçadores clandestinos na terra indígena.

Ainda de acordo com o governo do Maranhão, a Força Nacional que atua em outra terra indígena guajajara, a Canabrava, foi acionada para atuar no caso, mas, de acordo com decreto assinado pelo ministro da Justiça e da Segurança Pública, Sérgio Moro, a terra Arariboia não foi mencionada como área de proteção. Portanto, a FN de Canabrava estaria impedida de atuar a respeito da morte de Zezico.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Um mês sem Miguel : tudo que fazia era por ele, diz Mirtes
Notícias de 02/07- Brasil passa das 60 mil mortes, prefeito tem bens bloqueados e conta de luz
Véu, grinalda e... máscara!
Morre Georg Ratzinger, irmão de Bento XVI
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco