Ana Vidal Nunes Morre a 19ª vítima do incêndio no hospital Badim, no Rio

Por: FolhaPress - FolhaPress

Publicado em: 09/10/2019 17:13 Atualizado em:

Foto: Arquivo / Agência Brasil
Foto: Arquivo / Agência Brasil
Morreu nesta quarta (9) a 19ª pessoa que estava internada no hospital particular Badim quando um incêndio atingiu a unidade, no Maracanã, na zona norte do Rio, há quase um mês. Ana Vidal Nunes, 65, faleceu no Quinta D'Or, para onde havia sido transferida.
 
Segundo a direção do Badim, dos 124 pacientes e acompanhantes envolvidos na tragédia, 24 continuam internados, e todos os colaboradores já tiveram alta. Vários outros pacientes também estão internados, mas para tratar as doenças que já tinham.
 
A unidade informou que aguarda o laudo da necrópsia do IML (Instituto Médico Legal) para saber se houve correlação com o fogo. "O grupo de apoio multiprofissional continua oferecendo atendimento aos familiares dos pacientes e os canais de suporte se mantêm ativos", disse em nota.
 
Nesta terça (8), morreu no mesmo hospital da rede D'Or São Luiz o 18º paciente da tragédia, Paulo Coutinho, 77. A família diz que o idoso estava para ter alta quando o incêndio aconteceu e criticou o Badim por não ter oferecido qualquer assistência, o que a direção nega.
 
O INCÊNDIO
 
O incêndio no Badim começou no fim da tarde de 12 de setembro e fez pacientes serem retirados às pressas ainda nas macas. Com colchões e lençóis, funcionários improvisaram leitos em ruas próximas até que eles fossem levados para outros hospitais da região.
 
A maioria das vítimas morreu por inalação de fumaça, mas há casos em que as mortes foram decorrentes do desligamento de aparelhos com a queda da energia elétrica naquele momento, segundo o IML. Quase todas eram idosas, com idades entre 59 e 98 anos (veja os nomes abaixo). 
 
As investigações para apurar as circunstâncias do fogo e as mortes ainda estão em andamento, mas já foi confirmado que o incêndio começou no gerador de energia localizado no subsolo do prédio mais antigo do hospital –que tem dois edifícios, um inaugurado em 2000 e o outro, em 2018.
 
A Polícia Civil diz que pacientes, funcionários e outras pessoas que estavam no hospital Badim naquele dia ainda estão sendo ouvidos e que aguarda dados técnicos solicitados a diversos órgãos. 
 
QUEM SÃO AS 19 VÍTIMAS DO INCÊNDIO
 
1. Alayde Henrique Barbieri, 96
2. Ana Almeida do Nascimento, 95
3. Ana Irene Freitas, 83
4. Berta Gonçalves Berreiro Sousa, 93
5. Darcy da Rocha Dias, 88
6. José Costa Andrade, 79
7. Ivone Cardoso, 75
8. Luzia dos Santos Melo, 88
9. Maria Alice Teixeira da Costa, 75
10. Marlene Menezes Fraga, 85
11. Virgílio Claudino da Silva, 66
12. Yolandina Gaspar, 87
13. Áurea Martins de Oliveira, 87
14. Mulher sem nome divulgado, 98 
15. Homem sem nome divulgado, 86 
16. Homem sem nome divulgado, 59
17. Homem sem nome nem idade divulgados
18. Paulo Coutinho, 77
19. Ana Vidal Nunes, 65


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.