Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Notícia de Brasil

CÍRIO DE NAZARÉ

Círio de Nazaré reúne multidão em procissão nas ruas de Belém

Publicado em: 13/10/2019 15:59 | Atualizado em: 13/10/2019 16:01

Foi a 227ª edição da romaria em devoção à Nossa Senhora de Nazaré, na capital do estado paraense. Foto: Cezar Magalhães/Raw Image/Folhapress
O Círio de Nazaré, considerado uma das maiores manifestações católicas do mundo, reuniu uma multidão de fiéis na procissão deste domingo (13), em Belém, no Pará. Foi a 227ª edição da romaria em devoção à Nossa Senhora de Nazaré, na capital do estado paraense. A estimativa da organização é que 2 milhões de pessoas participariam do evento. A procissão começou às 7h deste domingo, em frente à Catedral da Sé, no bairro da Cidade Velha, e percorreu quase 4km até a Basílica Santuário, em evento que durou cerca de 5 horas.Antes do início da caminhada, uma missa campal deu início à romaria, às 5h30, presidida por Dom Giovanni D'Aniello, núncio apostólico do Brasil. 

Apesar de ser uma tradição paraense, o Círio se espalhou pelo Brasil e em outros países. As comemorações acontecem também em Fortaleza, Rio de Janeiro, São Paulo, Acre, Macapá, Rondônia e Guiana Francesa.
As comemorações deste ano começaram na manhã da última sexta (11). Primeiro, uma missa foi realizada na Basílica Santuário, às 7h. Depois, a imagem peregrina de Nossa Senhora de Nazaré começou trajetória para percorrer 50km entre Ananindeua e Marituba, na região metropolitana de Belém. A procissão saiu da Basílica Santuário e foi até a Igreja de Nossa Senhora das Graças, com 10 horas de duração. No caminho, a imagem recebeu homenagens em 45 pontos da região. A estimativa da organização é que mais de 1 milhão de pessoas estiveram envolvidas no trajeto.

Já no sábado (12), as celebrações retornaram por volta das 5h30, com a chamada Romaria Rodoviária. De acordo com a direção do evento, 250 mil pessoas participaram da procissão. O percurso teve 24km de distância e durou cerca de 3 horas, indo de Ananindeua até o Trapiche de Icoaraci. Depois, a imagem peregrina da Santa passou por uma cerimônia, celebrada antes de um Círio Fluvial, nas águas da baía do Guajará, em Belém. A romaria aquática iniciou às 9h, saindo do Trapiche do Distrito de Icoaraci e com destino à Escadinha da Estação das Docas. Segundo a diretoria da festa, aproximadamente 50 mil pessoas e cerca de 300 embarcações participaram do Círio Fluvial. A terceira etapa do Círio de Nazaré de sábado foi uma Moto Romaria. Aproximadamente 45 mil participantes homenagearam a imagem peregrina, em percurso de quase 3km até o Colégio Gentil, partindo da Escadinha do Cais do Porto.

À noite, mais de 1 milhão de fiéis participaram da Trasladação, a quarta etapa do evento de sábado. Os devotos percorreram quase 4km do Colégio Gentil até a Catedral da Sé, em cinco horas de procissão.  Em seguida, uma missa e a vigília foram realizadas como preparação para o Círio deste domingo.O tema do evento de 2019 foi "Maria, Mãe da Igreja". Em 2014, a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) concedeu ao Círio de Nazaré o certificado de Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
De 1 a 5: artistas que trabalham com barro
Sobe, Lia, sobe.
João Alberto entrevista Larissa Lins
Como se preparar para as provas do SSA 3 da UPE
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco