Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Notícia de Brasil

Conivência

Mãe que não denunciou abusos de marido contra os filhos é presa em Luziânia, DF

Publicado em: 26/07/2019 20:29

Foto: Arquivo/Agência Brasil (Foto: Arquivo/Agência Brasil)
Foto: Arquivo/Agência Brasil (Foto: Arquivo/Agência Brasil)
Uma mãe foi presa por não denunciar crimes de abusos sexuais cometidos pelo marido contra os próprios filhos, em Luziânia, Entorno do Distrito Federal. Segundo investigação da Polícia Civil de Goiás, ela sabia dos estupros, que começaram há cerca de 7 anos, mas foi conivente. As vítimas, hoje com 5, 8, 10 e 12 anos, também viviam em situação precária dentro de casa, com falta de cuidados básicos. 

“Em maio deste ano, recebemos denúncias do Conselho Tutelar, que nos informou que as crianças poderiam estar sofrendo abusos. Apuramos o caso e, neste mês de julho, prendemos o homem acusado, que cometeu estupros contra dois filhos e dois enteados. Mas a investigação continuou, uma equipe multidisciplinar de psicólogos ouviu as vítimas, e descobrimos que a mãe sabia desses crimes”, detalhou o delegado responsável pelo caso, Danillo Martins.

A prisão da mulher aconteceu na última quinta-feira (25). “Essa foi a parte final da investigação. Agora, as crianças foram encaminhadas pelo Conselho a um abrigo e vão receber suporte emocional”, disse Danilo. A presa tem 34 anos e tinha um relacionamento com o acusado, de 43, desde 2011. 

As suspeitas do delegado são de que os crimes sexuais tenham começado um ano depois do início desta relação e que os casos aconteciam com a presença dela em casa. O casal não tinha passagens pela polícia. Ambos vão responder por estupro de vulnerável.
TAGS: prisão | mãe, | abuso, |
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Lula: sou um homem melhor do que aquele que entrou na cadeia
Resenha SuperEsportes: o quase do Sport, sub-20 do Santa e eleições no Náutico
De 1 a 5: artistas que trabalham com barro
Sobe, Lia, sobe.
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco