Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Últimas

TERROR

Quase 30 mil crianças fugiram da violência em Moçambique em junho

Por: AFP

Publicado em: 01/07/2022 09:30 | Atualizado em: 01/07/2022 09:52

 (Foto: Marco Longari/AFP via Getty Images)
Foto: Marco Longari/AFP via Getty Images
Uma nova onda de violência no norte de Moçambique, região afetada por ataques de jihadista, obrigou quase 30.000 crianças a fugir em junho, o balanço mensal mais elevado na longa crise, informou a ONG Save The Children.

Em junho foi registrado um aumento nos ataques na província de Cabo Delgado, onde os jihadistas iniciaram uma rebelião violenta em 2017, o que provocou o envio no ano passado de uma missão militar regional.

Ao menos 53 pessoas morreram em vários distritos, o que forçou mais de 50.000 adultos e crianças a fugir de suas casas, de acordo com a Save the Children.

"Este foi o pior mês para as famílias e as crianças em Cabo Delgado em um ano", afirmou Brechtje van Lith, diretora para Moçambique na ONG. A violência já provocou o deslocamento de mais de 700.000 pessoas. 

Quase 4.100 pessoas morreram em Moçambique desde 2017, segundo a organização ACLED, que monitora o conflito. 

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Manhã na Clube: entrevistas com dr. Heitor Medeiros e André Navarrete (Innovation Meeting)
Em busca de água, indígenas brasileiros encontram novo lar
Manhã na Clube: entrevista com Carlos Veras (PT), deputado federal
China executa maiores exercícios militares em décadas
Grupo Diario de Pernambuco