Diario de Pernambuco
Busca

ENTREVISTA

Primeiros usuários do 5G da TIM terão acesso gratuito à navegação na banda larga

Publicado em: 06/07/2022 08:33

 (Foto: BRUNO RYFER/DIVULGAÇÃO TIM)
Foto: BRUNO RYFER/DIVULGAÇÃO TIM
O CEO da Tim no Brasil, Alberto Griselli, afirmou que a redução da alíquota de Imposto Sobre Circulação de Mercadoria (ICMS) será repassada ao consumidor, mas evitou citar datas. A declaração ocorreu em encontro com jornalistas às vésperas do início das operações do 5G em Brasília, onde a empresa chega ao primeiro dia de operação da quinta geração da banda larga com 100 antenas funcionando em 16 regiões administrativas do Distrito Federal.

Sem entrar em detalhes, Griselli disse que os consumidores terão redução nos planos pré e pós-pagos por efeito da Lei Complementar 194/22, que limita a cobrança de ICMS de combustíveis, energia elétrica, comunicações e transporte coletivo à alíquota aplicada às mercadorias em geral. Sem relacionar as ações, o presidente também destacou que os primeiros usuários do 5G terão acesso gratuito à navegação na banda larga.

Desde a meia noite desta quarta-feira (6/7), primeiro dia de geração do 5G, serão ativadas 100 antenas da telefonia móvel da empresa na faixa de 3,5 gigahertz (GHz) em Brasília, garantido uma velocidade dez vezes maior do que a navegação por 4G. O sinal do serviço será, conforme previsto no edital de licitação da nova tecnologia, na versão mais avançada, o 5G standalone (SA). Por isso, pelo menos 4% dos mais de 580 mil clientes da Tim que tem aparelhos compatíveis ao 5G poderão acessar a banda larga.

Contando com os usuários da Oi móvel - comprada pela TIM -, esse número chega a mais de um milhão de usuários, mas a proporção é a mesma. A empresa comprou equipamentos e carta de clientes, mas os parceiros comerciais da Oi não foram incorporados ao negócio. “Não existem mais clientes da Oi. Eles agora são clientes da Tim”, definiu Griselli.

O início da operação no DF já conta com a ativação de 100 antenas – o que equivale a mais de 2,5 vezes o mínimo regulatório inicial exigido pelas normas do Leilão do 5G – e alcança 50% da população da capital federal. Nos próximos 60 dias serão ativadas outras 64 antenas, alcançando 65% de população coberta.

Em encontro com jornalistas na capital federal, Griselli afirmou que novos clientes poderão fazer adesão gratuita pelos próximos três meses aos planos 5G, com validade por mais 12 meses, com franquia adicional de 20 a 50 gigabytes (GB), somados aos dados do plano anterior. Ao final do período de testes, a empresa especula um valor adicional de R$ 20 como reajuste, com 50 gigas disponíveis.

E como atrativos, a empresa pretende competir fortemente junto ao público juvenil, com oferta de games desde o pacote básico e acesso ao Amazon Prime Video para planos pré-pagos. A tecnologia 5G SA - ou standalone - da TIM estará disponível a partir de quarta-feira nas principais regiões do Distrito Federal como Águas Claras, Asa Norte, Asa Sul, Ceilândia, Cruzeiro, Gama, Guará, Lago Norte, Lago Sul, Noroeste, Recanto das Emas, Samambaia, Santa Maria, Setor de Indústria e Abastecimento, Taguatinga e Vicente Pires.

Em entrevista ao Correio, o CEO da Tim no Brasil, Alberto Griselli, avalia a entrada do 5G no mercado.

Quem poderá acessar o 5G no Distrito Federal?

Quem tem um telefone compatível com a nova tecnologia. Não é preciso ter um chip novo, apenas habilitar o serviço. A oferta está disponível inicialmente em Brasília e o usuário pode ativá-la por meio de todos os canais de atendimento da operadora.

Como o 5G vai impactar na vida das pessoas dos usuários da TIM imediatamente?

A chegada da nova banda larga impacta imediatamente com a oferta de uma maior velocidade e qualidade do nível de serviço. Um terceiro impacto esperado é a possibilidade de utilizar serviços como é o cloud gaming, que hoje são delegados a modelos de consumo em casa e que hoje conseguimos transferir para a mobilidade. Vamos oferecer uma nuvem de gamers e serviço de streaming aos usuários, mas entendemos que há dificuldades para a migração, das quais a principal é notoriamente ter um aparelho 5G.

Qual o perfil do público que vai ter acesso ao 5G hoje?

São aqueles que têm interesse no 5G prioritariamente, nas áreas do projeto piloto e outras 16 regiões administrativas, áreas rurais não terão acesso. O celular 5G tem uma curva de troca que acontece no tempo. Por ser uma tecnologia nova, hoje tem uma parcela menor de clientes que têm esse telefone na mão, mas acreditamos que haverá um crescimento acelerado para a adaptação do consumidor ao 5G. Atualmente, esse dado já é expressivo, cerca de 40% das vendas da TIM correspondem a celulares 5G. Faz parte da adoção da tecnologia.

É um projeto voltado para jovens?

Sim! O público de gamers é bastante popular, uma categoria de serviços, e mais interessado em experimentar serviços novos. Como qualquer tecnologia, ela chega primeiro ao topo da pirâmide social, principalmente, devido ao custo do terminal. À medida que a escala aumenta, vai crescendo também o acesso, os preços barateiam.

E estimam crescer quanto?

Nosso objetivo é sempre crescer e, neste caso, acreditamos não num crescimento em número, mas em mercado. O número de linhas é um indicador de volume, enquanto revenue-share é um indicador de valor - ou seja, o valor total da receita gerada pela venda de bens e serviços entre as partes interessadas ou contribuintes. Nós estamos na perspectiva de crescer além do mercado. Vamos iniciar a operação com 100 antenas no DF e temos outras 64 em fase de licenciamento. Além disso, estamos prontos para operar em todas as cidades do país. Por isso, entre outros motivos, acreditamos que a avaliação do mercado e nossas ações saltem de R$ 13 para R$ 18, em breve.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL

Deputado Joel da Harpa elabora PL contra a publicidade de alimentos ricos em açúcar nas escolas

12/08/2022 às 22h44

Novo diretor da Anvisa toma posse nesta sexta-feira

12/08/2022 às 22h42

Encontro de candidatas negras do Nordeste debate projeto político contra o racismo

12/08/2022 às 22h10

Silvio Costa critica Marília Arraes por escolha de candidato ao Senado

12/08/2022 às 21h50

TSE divulga cálculo para distribuição de tempo no horário eleitoral

12/08/2022 às 21h41

Novo diretor da Anvisa toma posse nesta sexta-feira

12/08/2022 às 21h39

Diagnóstico de monkeypox será feito em todos os Lacens até agosto

12/08/2022 às 21h38

Roberto Jefferson registra candidatura à Presidência no TSE

12/08/2022 às 21h36

Single de Beyoncé conquista a primeira posição da Billboard Hot 100

12/08/2022 às 21h30

FBI diz ter apreendido documentos classificados na mansão de Trump

12/08/2022 às 21h24

Confira os resultados da Quina 5922 e da Lotomania 2351 desta sexta

12/08/2022 às 21h18

Ator e comediante Kenan Thompson vai apresentar o Emmy 2022

12/08/2022 às 21h15

Wyden aproveita o crescimento do EAD e aumenta o seu portfólio de cursos nesta modalidade

12/08/2022 às 21h13

Masterboi inaugura a sua primeira planta frigorífica no Nordeste

12/08/2022 às 21h09

HBO Max pode demorar 45 dias para receber os lançamentos da Warner

12/08/2022 às 21h00

Varíola do macaco: empresa brasiliense submete dois testes à Anvisa

12/08/2022 às 20h51

Defesa afirma que supersalários divulgados 'apresentam incorreções'

12/08/2022 às 20h49

Ludmilla anuncia data de lançamento de Numanice #2 ao vivo

12/08/2022 às 20h48