Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Últimas

CVM

Petrobras anuncia recompra de US$ 1,5 bilhão em títulos globais

Publicado em: 06/07/2022 14:05

 (crédito: Tânia Rêgo/ Agência Brasil)
crédito: Tânia Rêgo/ Agência Brasil
A Petrobras anunciou nesta quarta-feira (6) o início da oferta de recompra de títulos globais, por meio da subsidiária Petrobras Global Finance B.V. (PGF). De acordo com o comunicado enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), os bonds a serem recomprados foram divididos em dois grupos, independentes entre si, e está limitada ao montante a ser dispendido pela PGF de US$ 750 milhões por grupo, totalizando US$ 1,5 bilhão.

Segundo a petroleira, os detentores de títulos que entregarem seus títulos também receberão juros capitalizados, até a data de liquidação, conforme definido em tabela. "Os valores a serem pagos aos investidores que entregarem seus títulos, em cada uma das séries consideradas, serão os preços equivalentes à taxa de retorno ao investidor (yield), definida às 11h da cidade de Nova York de 12 de julho de 2022, formada pelo respectivo acréscimo (spread) somado à taxa do tesouro norte-americano para os títulos denominados em dólares americanos, à taxa do tesouro britânico para os títulos denominados em libras esterlinas e à taxa de referência de swap (mid-market swap rate) para os títulos denominados em euro", informou o comunicado.

O grupo 1 é formado pelos seguintes títulos, em ordem de prioridade:

6.250% Global Notes com vencimento em março de 2024;
4.750% Global Notes com vencimento em janeiro de 2025;
5.299% Global Notes com vencimento em janeiro de 2025;
8.750% Global Notes com vencimento em maio de 2026;
6.250% Global Notes com vencimento em dezembro de 2026;
7.375% Global Notes com vencimento em janeiro de 2027;
5.999% Global Notes Com vencimento em janeiro de 2028;
5.750% Global Notes com vencimento em fevereiro de 2029;
5.375% Global Notes com vencimento em outubro de 2029;
5.093% Global Notes com vencimento em janeiro de 2030;
5.600% Global Notes com vencimento em janeiro de 2031;
6.625% Global Notes com vencimento em janeiro de 2034.
 
O grupo 2 é composto pelos seguintes títulos, também por ordem de prioridade:

5.500% Global Notes com vencimento em junho de 2051;
5.625% Global Notes com vencimento em maio de 2043;
6.750% Global Notes com vencimento em junho de 2050;
6.850% Global Notes com vencimento em junho de 2115;
6.900% Global Notes com vencimento em março de 2049;
6.750% Global Notes com vencimento em janeiro de 2041;
6.875% Global Notes com vencimento em janeiro de 2040;
7.250% Global Notes com vencimento em março de 2044.
 
Caso o montante ofertado pelos investidores na recompra de um determinado título faça com que o limite por grupo de US$ 750 milhões seja excedido, a oferta poderá ser cancelada para aquele título e aceita para o título seguinte, seguindo a ordem de prioridade, até que o limite de US$ 750 milhões seja alcançado, conforme os termos e condições da oferta, de forma que nenhum título poderá ser aceito parcialmente.

A oferta de recompra deve expirar no dia 12 de julho às 17h, horário de Nova York. A oferta será conduzida por BofA Securities, Inc., Banco Bradesco BBI S.A., Credit Agricole Securities (USA) Inc., Deutsche Bank Securities, Inc., J.P. Morgan Securities LLC e SMBC Nikko Securities Americas, Inc.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Em busca de água, indígenas brasileiros encontram novo lar
Manhã na Clube: entrevista com Carlos Veras (PT), deputado federal
China executa maiores exercícios militares em décadas
Papa recebeu como tapas os depoimentos de abusos no Canadá
Grupo Diario de Pernambuco