Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Últimas

MOSCOU

Putin nega responsabilidade por crise alimentar mundial

Por: AFP

Publicado em: 30/06/2022 15:42

 (Foto: Alexey NIKOLSKY / Sputnik / AFP
)
Foto: Alexey NIKOLSKY / Sputnik / AFP
Opresidente russo Vladimir Putin negou nesta quinta-feira (30) toda a responsabilidade da Rússia com a crise alimentar mundial, ao receber seu colega indonésio Joko Widodo, cuuo país assume a presidência rotativa do G20.

"Não impomos nenhuma restrição à exportação de fertilizantes, nem de produtos alimentícios", disse Putin ao receber Widodo no Kremlin um dia após a visita do presidente indonésio à Ucrânia.

Putin culpou as sanções ocidentais impostas à Rússia, que, visando especialmente os proprietários de empresas de fertilizantes, tornam "difícil" fornecer alguns produtos internacionalmente.

A Rússia "também não coloca obstáculos à exportação de trigo ucraniano", disse Putin, acrescentando que está "em contato permanente" com o órgão da ONU encarregado do assunto.

O conflito na Ucrânia afetou o equilíbrio alimentar mundial, levantando temores de uma crise que afetará particularmente os países mais pobres.

A Ucrânia, grande exportadora de cereais, especialmente milho e trigo, viu sua produção bloqueada pela ofensiva militar de Moscou.

A Rússia garante que liberará os navios ucranianos carregados de produtos alimentícios se o exército ucraniano realizar a desminagem de suas rotas marítimas, opção rejeitada pela Ucrânia, que teme pela segurança de suas costas do Mar Negro.

Por sua vez, a Rússia, outra potência em produção de cereais, não pode vender sua produção e seus fertilizantes devido às sanções ocidentais que afetam os setores financeiro e logístico.

O Kremlin anunciou esta semana que "respondeu positivamente" ao convite para a cúpula do G20 em Bali, Indonésia, em novembro, sugerindo que Putin espera estar lá.

Os países ocidentais, liderados pelos Estados Unidos, estão pressionando a Indonésia a excluir a Rússia desta reunião, da qual a Ucrânia também é país convidado.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Em busca de água, indígenas brasileiros encontram novo lar
Manhã na Clube: entrevista com Carlos Veras (PT), deputado federal
China executa maiores exercícios militares em décadas
Papa recebeu como tapas os depoimentos de abusos no Canadá
Grupo Diario de Pernambuco