Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Últimas

ASSÉDIO

Funcionárias denunciam presidente da Caixa por assédio sexual, diz site

Publicado em: 28/06/2022 22:30

 (Foto: Valter Campanato/Agência Brasil)
Foto: Valter Campanato/Agência Brasil
Um grupo de funcionárias da Caixa denunciou o presidente da instituição, Pedro Guimarães, por assédio sexual dentro do banco, segundo o site Metrópoles. De acordo com a reportagem, desde 2021 as colaboradoras relatavam, nos bastidores, problemas com Guimarães. O caso está sendo investigado, sob sigilo, pelo Ministério Público Federal (MPF).

Segundo o Metrópoles, existem relatos de situações em que ele age de forma inapropriada diante de funcionárias do banco estatal, com toques íntimos não autorizados, convites incompatíveis com a situação de trabalho e outras formas de assédio. Todas as mulheres que denunciaram os assédios trabalham ou trabalharam em equipes que atendem diretamente ao gabinete da presidência da Caixa e os abusos ocorreram, na maioria das vezes, em viagens de trabalho.

Um das denunciantes disse que, durante viagem, as funcionárias foram convidadas para ir à piscina do hotel onde estavam hospedados e, no local, teriam assistido Guimarães na piscina e ouviram de um dos auxiliares dele falar: "E se o presidente quiser transar com você?". 

Já em uma viagem a Porto Seguro, para divulgar o programa Caixa Mais Brasil, Guimarães comenta que deveria ser feito 'um carnaval fora de epóca'. "Ninguém vai ser de ninguém. E vai ser com todo mundo nu", teria dito o presidente da Caixa, segundo o relato de uma testemunha.

Em nota, a Caixa disse que "não tem conhecimento das denúncias apresentadas pelo veículo".

Confira a nota enviada ao Metropoles na íntegra:
"A Caixa esclarece que adota medidas de eliminação de condutas relacionadas a qualquer tipo de assédio. O banco possui um sólido sistema de integridade, ancorado na observância dos diversos protocolos de prevenção, ao Código de Ética e ao de Conduta, que vedam a prática de ‘qualquer tipo de assédio, mediante conduta verbal ou física de humilhação, coação ou ameaça’. A Caixa possui, ainda, canal de denúncias, por meio do qual são apuradas quaisquer supostas irregularidades atribuídas à conduta de qualquer empregado, independente da função hierárquica, que garante o anonimato, o sigilo e o correto processamento das denúncias. Ademais, todo empregado do banco participa da ação educacional sobre Ética e Conduta na Caixa, da reunião anual sobre Código de Ética na sua Unidade, bem como deve assinar o Termo de Ciência de Ética, por meio dos canais internos. A Caixa possui, ainda, a cartilha ‘Promovendo um Ambiente de Trabalho Saudável’, que visa contribuir para a prevenção do assédio de forma ampla, com conteúdo informativo sobre esse tipo de prática, auxiliando na conscientização, reflexão, prevenção e promoção de um ambiente de trabalho saudável”.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Em busca de água, indígenas brasileiros encontram novo lar
Manhã na Clube: entrevista com Carlos Veras (PT), deputado federal
China executa maiores exercícios militares em décadas
Papa recebeu como tapas os depoimentos de abusos no Canadá
Grupo Diario de Pernambuco