Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Últimas

DECLARAÇÃO

Bolsonaro ataca governadores nordestinos: 'Quer mais que o pobre se exploda'

Publicado em: 30/06/2022 22:30

 (Bolsonaro aumenta o tom para governadores que entraram na Justiça contra decisão de limitar a 17% o ICMS. Foto: Reprodução / Youtube)
Bolsonaro aumenta o tom para governadores que entraram na Justiça contra decisão de limitar a 17% o ICMS. Foto: Reprodução / Youtube
Em live nesta quinta-feira (30), Bolsonaro aumentou o tom ao criticar os governadores que entraram na Justiça contra a decisão de tabelar em 17% a arrecadação do ICMS. Com uma notícia na mão sobre o assunto, ele listou cada um dos estados e ressaltou que os governadores que se opuseram à decisão são de esquerda. 

"Foram 12 governadores (que) entraram na justiça contra a redução. Sabe que a região do Nordeste comporta 9 estados, esses 9 governadores entraram na justiça pra não diminuir. Os governadores do nordeste estão unidos contra você, contra o contribuinte, contra o trabalhador. Esse pessoal que diz que está ajudando o pobre é mentira, quer mais que o pobre se exploda. Os governadores que apoiam o PT estão contra a redução da gasolina”, declarou.

Bolsonaro direcionou elogios ao presidente da Câmara e aliado, Arthur Lira (PP-AL), por ter incentivado a aprovação do projeto, mas frisou que no Senado Federal foram os parlamentares do PT que fizeram oposição à solução trazida pelo governo.

"Foi uma grande unanimidade (no Congresso Nacional), exceto alguns senadores do PT. Então, todos os senadores do PT votaram contra a redução do ICMS. É o partido que diz que é dos trabalhadores, está preocupado com os mais pobres, diz que o governo não faz nada. Hoje estão vendo a gasolina cair em média R$ 1 no Brasil todo. O PT foi contra isso", criticou.

Ao lado do chefe do Executivo, o ministro de Minas e Energia, Adolfo Saschida, fez um apelo para que os governadores apoiassem a decisão. "O governo abriu mão do PIS, Cofins e Cide, dos impostos federais na gasolina. Se todos os governadores ajudarem nesse momento tão difícil nós vamos reduzir em mais de R$ 1 o preço da gasolina", pediu.

"Quero ressaltar que o governo está adotando uma solução estrutural e para o Brasil, por exemplo, estamos abaixando tributos, estamos respeitando os contratos, agentes privados. São menos impostos e mais dinheiro no bolso do consumidor", explicou.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Manhã na Clube: entrevistas com dr. Heitor Medeiros e André Navarrete (Innovation Meeting)
Em busca de água, indígenas brasileiros encontram novo lar
Manhã na Clube: entrevista com Carlos Veras (PT), deputado federal
China executa maiores exercícios militares em décadas
Grupo Diario de Pernambuco