Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Últimas

DEBANDADA

Técnicos que atuaram no Orçamento de 2022 deixam Ministério da Economia

Publicado em: 25/01/2022 15:12 | Atualizado em: 25/01/2022 15:18

 (Foto: Agência Brasil)
Foto: Agência Brasil
O desgaste gerado pela discussão do Orçamento de 2022 resultou em uma onda de demissões no Ministério da Economia. Nesta terça-feira (25) foi a vez do subsecretário de assuntos fiscais da Secretaria de Orçamento da pasta, Luiz Guilherme Pinto Henriques, ter a exoneração publicada no Diário Oficial da União (DOU). Para o seu lugar, foi nomeado Fábio Pifano Pontes.

Depois do pedido de demissão dos ex-secretários que comandavam a área (Bruno Funchal e Jeferson Bittencourt), as saídas agora ocorrem entre os técnicos. Além de Henriques, o jornal O Globo adiantou que o subsecretário de gestão orçamentária da pasta, Márcio Luiz de Albuquerque Oliveira, deve sair nos próximos dias. Quem o substituirá é Clayton Montes, que já atuava na Secretaria de Orçamento Federal.

A debandada ocorre após a sanção do Orçamento de 2022, que contemplou medidas polêmicas, como o reajuste salarial para agentes da Polícia Federal, da Polícia Rodoviária Federal e do Departamento Penitenciário Nacional (Depen), além de R$ 16,5 bilhões para emendas de relator e R$ 4,9 bilhões para o fundo eleitoral.

Além destas medidas, o chefe do Executivo vetou R$ 3,18 bilhões em recursos que haviam sido aprovados para áreas de benefício à população, como para as pesquisas científicas. No entanto, segundo apurado pelo Estadão, a exoneração dos dois não tem relação com a sanção do orçamento, pois ambos planejavam a saída há meses.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Última Volta: GP da Espanha 2022 de F1
Antiproibicionismo: Marcha da Maconha por uma nova política de drogas
Manhã na Clube: entrevista com Raquel Lyra (PSDB)
Casamento de Lula e Janja: celulares barrados na entrada
Grupo Diario de Pernambuco