Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Últimas

PANDEMIA

EMA afirma que vacina contra Covid é segura para as grávidas

Publicado em: 20/01/2022 15:30

 (Foto: Patrick T. FALLON / AFP)
Foto: Patrick T. FALLON / AFP
A Agência Européia de Medicamentos (EMA, na sigla em inglês) declarou que, após a revisão de inúmeros estudos envolvendo 65 mil gestantes durante diversos estágios da gravidez, concluiu que as vacinas contra a Covid das farmacêuticas Moderna e Pfizer não apresentaram ameaça para este grupo.

A conclusão final da EMA demonstra que os efeitos colaterais mais comuns da imunização foram leves e similares aos de outras pessoas vacinadas. "A revisão não encontrou nenhum sinal de aumento do risco de complicações na gravidez, abortos espontâneos, partos prematuros ou efeitos adversos nos fetos após o uso de vacinas de mRNA contra a Covid-19", aponta o comunicado da agência sanitária da União Europeia.

Além do mais, a revisão realizada também sugere que os benefícios das vacinas de mRNA no período da gravidez superam quaisquer riscos possíveis para as gestantes e seus bebês. A EMA ainda fez um alerta de que a infecção pelo SARS-CoV-2 nos últimos meses de gestação pode aumentar o risco de desenvolver uma forma grave da doença.

De acordo com o site Our World in Data, ligado à Universidade de Oxford, 70,4% da população da União Europeia já foi imunizada com as duas doses das vacinas, sendo que aproximadamente 74% já receberam ao menos a primeira dose. Já a dose de reforço atingiu cerca de 38% dos habitantes da zona do euro.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Maio Verde: glaucoma é a principal causa de cegueira irreversível no mundo
Brasil começa preparação para amistosos
Bombeiros encontram corpos de casal soterrado em Olinda
Manhã na Clube: entrevistas com Mendonça Filho e dr. Roberto Galvão Filho, oftalmologista
Grupo Diario de Pernambuco