Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Últimas

FAMOSOS

Adriana Sant'Anna gera polêmica ao reclamar do valor de empregada doméstica

Publicado em: 24/06/2021 16:45

 (Foto: Adriana Sant'Anna/Instagram/Redes Sociais)
Foto: Adriana Sant'Anna/Instagram/Redes Sociais
A influenciadora digital Adriana Sant'Anna gerou polêmica nesta quarta-feira (24/06) ao dizer que não está encontrando uma empregada doméstica para ajudá-la nos Estados Unidos, onde vive atualmente.

De acordo com a influencer, as profissionais americanas cobram por hora e por cada atividade, entretanto, Adriana quer uma profissional que faça tudo por um preço só e não estaria encontrando no território americano. Nos stories do Instagram, a ex-BBB pede recomendações de uma empregada que "limpe, lave, passe, guarde, cozinhe e olhe as crianças".

"Gente, por favor. Acha alguém pra trabalhar aqui em casa, fazer tudo. Eu imploro, indica alguém aqui da Flórida, dos Estados Unidos. A gente paga bem. Eu só preciso que limpe, lave, passe, guarde, cozinhe e olhe as crianças quando eu precisar", pediu a influenciadora. "Não aguento mais essa vida de ficar colocando coisa pra lavar. É muito sério isso. Está me tirando o sono, eu tenho rezado, pedido a Deus, para as minhas amigas. Está todo mundo atrás de alguém pra mim e não tem", desabafou.

A galera aqui gosta de trabalhar em vários lugares, ganha por hora de trabalho e eu quero alguém pra ficar aqui o tempo todo, fazendo tudo pra mim e não acho... Eu preciso trabalhar gente, por isso vocês não estão me vendo", afirmou. "Essas coisas que tenho que ficar fazendo não dá, que é lavar roupa, passar, arrumar, organizar, pegar bagunça de criança. E pior que está todo mundo assim. Não tem gente...", prosseguiu. Segundo Sant'Anna, as domésticas americanas cobram 25 dólares a hora para fazer uma função e no Brasil é totalmente diferente.

“No Brasil a gente estava feito! Uma pessoa lá com a gente fazia tudo. Aqui pra passar, 25 dólares a mais, pra dobrar 25 dólares, pra esticar o braço mais 10 dólares. É assim! Você que tem alguém no Brasil ajoelha e agradece a Jesus, aqui nos Estados Unidos é diferente. Quando cheguei aqui fiquei louca!", finalizou. No Twitter, alguns internautas criticaram o desabafo de Adriana.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube: entrevista com o médico geriatra Marcelo Cabral
Apesar dos protestos, começa a Olimpíada de Tóquio
Manhã na Clube: entrevista com o Presidente da Alepe, deputado Eriberto Medeiros (PP)
Em busca por vestígios de vida em Marte
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco