Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Últimas

FRANÇA

Como casa de repouso francesa confinou mais de 100 idosos sem perder humor

Publicado em: 19/04/2021 21:15

 (Foto: Arquivo Pessoal / Valerie Martin)
Foto: Arquivo Pessoal / Valerie Martin
Com o surgimento e agravamento da pandemia de Covid-19 na França, a casa de repouso Vilanova decidiu confinar os residentes para protegê-los contra o vírus. Foram 47 dias de contenção com 12 funcionários e 106 idosos juntos, colaborando integralmente nas atividades.

Foi um tempo difícil, porém eles fizeram de tudo para enfrentar o momento da melhor maneira possível. Durante o confinamento, eles criaram brincadeiras, festas e até um casamento inventado para levar alegria aos residentes.

O lar fica em Corbas, próximo a cidade de Lyon, e só foi reaberto quando a média de novos casos caiu drasticamente e a situação foi controlada. As restrições foram finalizadas no dia 4 de maio de 2020 e todos testaram negativo para a doença.

Em entrevista para a Associated Press (AP), a enfermeira Valerie Martin, que administra a casa de repouso, conta que não permitiria que seus residentes sofressem algum risco de contaminação.

Valerie via que muitos idosos sofriam com os primeiros dias de isolamento. Por estarem confinados todos juntos, não era necessário que os residentes ficassem sozinhos nos seus quartos. Assim, era possível a integração entre eles em jogos e refeições comunitárias. Foi essa união que garantiu o bom humor e a tranquilidade pelos quase 50 dias que ficaram isolados.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
ONU pede  investigação independente sobre chacina no Rio
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 07/05
Teich vincula renúncia à pressão de Bolsonaro para usar cloroquina
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 06/05
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco