Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Últimas

OPOSITOR RUSSO

Recuperação de Navalny levará muito tempo, afirma porta-voz

Por: AFP

Publicado em: 25/09/2020 07:21

 (Foto: Handout / Instagram account @navalny / AFP)
Foto: Handout / Instagram account @navalny / AFP
A recuperação do líder opositor russo Alexei Navalny, vítima de acordo com três laboratórios de um envenenamento com um agente neurotóxico, levará "muito tempo", afirmou sua porta-voz.

"É lógico, a convalescença de Alexei ainda vai demorar muito tempo", disse Kira Iarmych em um programa no Youtube. 

"Navalny permanece na Alemanha no momento, passará por uma recuperação. Está claro que não é questão de dias, e provavelmente nem de algumas semanas", completou.

O ativista anticorrupção, crítico ferrenho do Kremlin, de 44 anos, ficou gravemente doente em 20 de agosto a bordo de um avião na Sibéria. 

Três laboratórios europeus chegaram à conclusão de que ele foi envenenado com um agente nervoso do tipo Novichok, desenvolvido com fins militares na época soviética, e os países ocidentais pediram à Rússia que apresente explicações e investigue o caso. Moscou rejeita todas as acusações. 

O líder opositor recebeu alta na terça-feira do Hospital Charité de Berlim, onde permaneceu internado por um mês. O Kremlin afirmou que ele é "livre" para voltar à Rússia.

Nas redes sociais, Alexei Navalny relatou seu difícil retorno a uma vida normal. 

"O plano é sempre simples: ver um fisioterapeuta todos os dias. Talvez um centro de reabilitação. Aguentar em uma perna. Recuperar totalmente o controle dos meus dedos. Manter o equilíbrio", escreveu na quarta-feira no Instagram, ao lado de uma foto que o mostra sentado em um banco de um parque.

De acordo com a porta-voz, quando Navalny estava em coma no fim de agosto, a justiça russa congelou suas contas e a parte que possui de seu apartamento.

As medidas, segundo Iarmych, estão relacionadas com uma disputa entre o empresário Yevgueni Prigózhin, próximo ao Kremlin, e Navalny e uma de suas aliadas, Liubov Sobol.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Rhaldney Santos entrevista Dr Carlos Romeiro, ortopedista
Rhaldney Santos entrevista Celso Muniz (MDB)
Enem para todos com professor Fernandinho Beltrão #181 - Tiops de rins dos vertebrados
Rhaldney Santos entrevista Dr. Felipe Dubourcq, urologista
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco