Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Últimas

Jornada Nacional

Universitário atendido pela Funase participa de jornada da UFRPE

Publicado em: 12/08/2020 17:12 | Atualizado em: 12/08/2020 17:31

A iniciativa faz parte da da programação da Jornada Nacional 30 Anos do Estatuto da Criança e do Adolescente (Funase Divulgação)
A iniciativa faz parte da da programação da Jornada Nacional 30 Anos do Estatuto da Criança e do Adolescente (Funase Divulgação)
 
Um estudante universitário em cumprimento de medida de internação em Arcoverde, no Sertão, vai ter a oportunidade de dialogar com pesquisadores da área de infância e juventude durante um minicurso virtual. A iniciativa, que começa nesta quinta-feira (13), com duração de dois dias, é parte da programação da Jornada Nacional 30 Anos do Estatuto da Criança e do Adolescente, promovida pela Escola de Conselhos de Pernambuco, vinculada à Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), em parceria com a organização Visão Mundial e com o Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (Cedca).

O minicurso abordará o tema “Medidas socioeducativas: entre teorias e práticas”, tendo como diferencial a participação do socioeducando I.F.B.F., de 19 anos, que está na Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) há um ano e três meses. Nesse período, ele foi estimulado pela equipe técnica local a concluir o 3º ano do Ensino Médio e teve a inscrição realizada no vestibular de uma faculdade particular de Arcoverde. O estudante foi aprovado, ganhou uma bolsa de estudos parcial e cursa Educação Física desde o março. “Eu fui indicado pela pedagoga e pela gestora da unidade para participar desse minicurso como convidado e quero compartilhar minhas experiências, mas quero aprender muito também. É importante discutir sobre direitos”, diz.

O minicurso será ministrado pela pedagoga e mestre em Educação pela UFRPE Jedivam Conceição, pelo representante do Cedca e mestrando da UFRPE Mallon Aragão e pela psicóloga e mestranda em Educação pela UFRPE Gitana Danyalgil, que atua no Centro de Internação Provisória (Cenip) Recife, unidade administrada pela Funase. A atividade, com carga horária de seis horas/aula, está sob a organização do professor Humberto Miranda, coordenador institucional da Escola de Conselhos de Pernambuco. O curso ocorrerá pela plataforma Google Meet. O socioeducando participará por meio de um computador dentro da Funase.

Para a coordenadora geral do Case/Cenip Arcoverde, Paula Cibele, a participação do estudante nesse espaço de discussão, com a presença de pesquisadores que vivenciam o dia a dia da socioeducação, é importante para que sejam construídos avanços na busca pela garantia dos direitos da criança e do adolescente. “Resolvemos indicá-lo para participar desse espaço qualificado de debate, conhecendo toda a trajetória que ele já percorreu enquanto esteve aqui conosco. Acreditamos que esse tipo de experiência somará ao cumprimento da medida socioeducativa e ao jovem que estamos devolvendo, pouco a pouco, à sociedade”, avalia
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Resumo da semana: acidente em Boa Viagem, aulas liberadas e reinauguração do Geraldão
Enem para todos com professor Fernandinho Beltrão #101 Actina e Miosina
Rhaldney Santos entrevista advogada Rafaella Simonetti do Valle
Enem para todos com professor Fernandinho Beltrão
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco