Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Últimas

MEDIDA

Caixa também vai limitar saques do FGTS emergencial

Publicado em: 05/06/2020 22:45

 (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
A Caixa Econômica Federal informou, nesta sexta-feira (5), que quem tem direito ao saque emergencial do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) também terá de esperar alguns dias depois do depósito para retirar o valor em espécie. Nesse período, o dinheiro só poderá ser usado para pagamentos e compras com débito virtual.

O método foi criado para o saque da segunda parcela do auxílio emergencial de R$ 600 e será mantido para a terceira.

O saque emergencial do FGTS foi liberado por meio de MP (medida provisória) em abril e começará a ser liberado em 15 de junho. Os pagamentos serão realizados até 31 de dezembro. O valor é de até R$ 1.045.

Segundo o presidente da Caixa, Pedro Guimarães, a medida evita aglomerações e filas em agências. A Folha de S.Paulo mostrou, contudo, que há também preocupação com a falta de papel-moeda.

"Então o FGTS tem o mesmo racional, faremos o depósito, e o saque acontecerá alguns dias depois e isso vai permitir que haja minimização das filas", disse.

"Isso ajuda muito, porque isso gera a bancarização de milhões de brasileiros. Dos 60 milhões que vão receber, mais de 20 milhões não têm conta em banco nenhum", afirmou.

O cronograma de saque do FGTS também terá como referência o mês de nascimento do trabalhador. Sobre a terceira parcela, ele informou que o Ministério da Cidadania divulgará o cronograma.

No pagamento da primeira parcela do auxílio, foi liberado o saque imediato para pessoas com contas em bancos. Beneficiários que tiveram uma conta digital aberta na Caixa precisaram esperar um segundo cronograma para sacar.

O pagamento causou escassez de cédulas na economia e, na ocasião, o Banco Central pediu que a Casa da Moeda adiantasse parte da produção contratada para o ano.

Uma brecha na medida permitia que o recurso na conta digital fosse transferido para outra conta bancária, podendo ser sacado imediatamente. Na segunda parcela, além de um espaçamento maior no cronograma dos repasses, a restrição foi ampliada e as transferências foram bloqueadas.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Itália proíbe entrada de viajantes brasileiros
10/07 Manhã na Clube com Rhaldney Santos
Burro invasor de lives faz santuário de animais arrecadar dinheiro
Seminário discute novo marco legal do saneamento básico
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco