Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Notícia de Últimas

REGIÃO METROPOLITANA

Câmara de Paulista repassa R$ 94 mil à prefeitura para combate ao coronavírus

Publicado em: 26/03/2020 16:43

 (Foto: Divulgação / Câmara de Paulista)
Foto: Divulgação / Câmara de Paulista
O presidente da Câmara de Vereadores de Paulista, Fábio Barros (PDT), repassou, nesta quinta-feira (26), ao prefeito Junior Matuto (PSB) o valor de R$ 94.567,36 para as ações de prevenção à Covid-19. “Não poderíamos apenas cobrar ações da prefeitura. Além de propor medidas de combate ao coronavírus, o Legislativo Municipal está contribuindo com recursos para serem utilizados na prevenção da pandemia. Essa foi uma decisão de todos os vereadores da Casa de Torres Galvão”, afirmou o vereador.

Na terça-feira (24), Fábio Barros apresentou dez propostas de prevenção à Covd-19 durante reunião do Grupo de Trabalho do Plano de Contingenciamento Municipal de Combate ao Coronavírus, realizada na sede da prefeitura. “Eu faço oposição à Gestão Municipal, mas neste momento quero contribuir no combate ao coronavírus propondo e cobrando da prefeitura ações que minimizem o impacto dessa pandemia na vida de todos os moradores de Paulista. Não posso e não vou fazer dessa questão uma discussão político-partidária, de enfrentamento eleitoral”, disse o parlamentar.

Leia a íntegra das dez propostas de Fábio Barros para o combate ao coronavírus em Paulista:
 

1 – Envio de um comunicado à empresa que realiza a limpeza urbana da cidade, por meio de Decreto ou Documento Administrativo Público Municipal, solicitando que a mesma garanta aos trabalhadores Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) para evitar possível contágio e disseminação do coronavírus, dando prioridade aos motoristas e garis que fazem a coleta do lixo, além de todos os profissionais que manuseiam resíduos sólidos do transbordo ao destino final, no aterro sanitário.

2 – Revisão do Cadastro Único e identificação das cerca de 35 mil famílias que recebem o Bolsa Família em Paulista com o objetivo de garantir cestas básicas e/ou outros benefícios sociais para minimizar o impacto da pandemia nessa parte da população cuja renda principal vem de trabalho informal.

3 – Garantir a recuperação das viaturas do Samu e manter o quantitativo de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) em quantidade suficiente para toda a equipe que atua no resgate de pessoas em situação de urgência ou emergência.

4 – Identificar os pequenos comerciantes e trabalhadores informais do município para garantir cesta básica e outros benefícios sociais uma vez que os mesmos estão sem poder trabalhar por conta da pandemia do coronavírus.

5 – Posicionamento da prefeitura para garantir recursos estaduais e federais para o enfrentamento dos problemas que afetam diretamente a economia do município e estão previstos para durarem entre 60 ou 90 dias.

6 – Retomar, o quanto antes, a vacinação contra a gripe para idosos acima de 60 anos e profissionais da saúde. A imunização no município, por falta de planejamento, atingiu menos de 50% do público alvo. Neste caso, a Secretaria de Saúde deveria entrar em contato com os vários condomínios da cidade que possuam idosos acima de 60 anos, a exemplo do Park Jardins, Jardins da Roseira, Santos Dumont, Vila do Frio, Porto Antilhas, Parque Janga, Janga Príncipe, Conjunto Praia do Janga, Porto Antilhas, para registro de cadastro e vacinação no local. Outra medida é a vacinação por drive thru, em que não é preciso sair do carro para receber a dose da vacina e pode ser implantada em vários pontos da cidade, como vários shopping, orla e Parque das Paineiras.

7 – As orientações sobre a pandemia do coronavírus devem ser feitas por sanitaristas, profissional habilitado e que impõe credibilidade a informação. Figuras políticas devem se ater as ações e decisões administrativas. Outra medida é a compra de kits de limpeza (água sanitária, sabão, detergente e álcool 70) para distribuição gratuita às famílias carentes do município, para ajudar na higienização, fator importante no processo de conter a pandemia.

8 – Convocar os empresários da indústria, comércio e serviço com empreendimentos instalados em Paulista para criação de um fórum de apoio e orientação às medidas de combate ao coronavírus na cidade a partir das experiências empresariais nas áreas de logística e gestão.

9 – Contratação de carros-pipa para melhorar o abastecimento d’água na cidade, um dos grandes problemas enfrentados pelo moradores de Paulista, principalmente as donas de casa.

10 – Utilização do efetivo da Guarda Municipal e Agentes de Trânsito, treinados e com EPIs, para reforçar das ações dos órgãos estaduais de segurança que visam impedir a aglomeração de pessoas nas ruas, comércios, bares e restaurantes, além de filas de recebimento de auxílio social e vacinação.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Filas e aglomeração em frente a agências bancárias
A pandemia em Pernambuco -  destaques de 31 de Março
Boas iniciativas para praticar a solidariedade na quarentena
O cotidiano em Areias, bairro do Recife com a primeira morte por coronavírus no Nordeste
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco