Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Notícia de Últimas

Música

Recbitinho, versão infantil do Rec-Beat, agita três dias da folia

Publicado em: 21/02/2020 16:47

 (Foto: Ariel Martini/Divulgação)
Foto: Ariel Martini/Divulgação
A edição de 25 anos do festival Rec-Beat terá programação gratuita também para as crianças, com brincadeiras, música, caboclinho e show de mágica. Os pequenos foliões contarão com espaço infantil no hall do Paço Alfândega, com entrada gratuita, nos dias 23, 24 e 25 de fevereiro, sempre a partir das 15h30. Mariane Bigio e seu Bloco do Neném, Fada Magrinha, O Sambinha, Caboclinho Sete Flexas do Recife e o mágico Rodrigo Lima são as atrações.

O Bloco do Neném é o recém-surgido projeto carnavalesco da cantora e compositora Mariane Bigio, artista pernambucana com mais de 12 anos de carreira e que tem se especializado na música para a primeira infância. Canções autorais, clássicos de carnaval, além de paródias sobre a rotina dos bebês, trazem leveza para os desafios cotidianos da maternidade e paternidade. 

A percussionista Lulu Araújo sobe aos palcos encantando crianças de todas as idades como a Fada Magrinha em seus dias de folia. Percussionista de grandes nomes da música, como Alceu Valença e Naná Vasconcelos, Lulu iniciou sua carreira musical em 1997. No show, canções tradicionais do carnaval, marchinhas, muito frevo e maracatu estão presentes, com muita interatividade com o público, estimulando-o a dançar, cantar e levando para o show momentos de muita diversão, troca e aprendizado.

Ao som do violão, cavaquinho e pandeiro, O Sambinha faz pequenos e grandes dançarem e brincarem. Cantigas de roda em ritmo de samba e choros e clássicos de Adoniran Barbosa e Chico Buarque adaptadas para o universo lúdico infantil.

Fundado em 1971 por José Severino dos Santos Pereira, o Mestre Zé Alfaiate, o Caboclinho Sete Flexas do Recife expressa uma das mais tradicionais festividades de Pernambuco com apresentações cheias de energia. Muita lantejoula, semente de ave-maria, cocar de pena de ema, machadinha, cabaça, cipó, lança e preaca são alguns dos elementos que compõem o deslumbrante vigor da cabocaria.

O mágico Rodrigo Lima é conhecido por seu show cheio de criatividade que encanta as crianças com mágicas cheias de surpresas e diversão. 

Familiares e cuidadores contam com toda a infraestrutura do Paço para atender os pequenos, como banheiros, fraldário, praça de alimentação, café, estação de maquiagem carnavalesca, lojas de fantasias e cafés. A curadoria do Recbitinho é assinada por Lulu Araújo, produtora, musicista e professora de música para crianças, com direção de Antonio Gutierrez, o Gutie, também diretor e idealizador do Rec-Beat.

Confira a programação:

Domingo (23)
15h30 Mágico Rodrigo Lima
17h00 Mariane Bigio e Bloco do Neném

Segunda-feira (24)
19h00 Caboclinho Sete Flexas do Recife
20h00 Fada Magrinha

Terça-feira (25)
19h00 Mágico Rodrigo Lima
19h45 O Sambinha

SERVIÇO
Recbitinho
Quando: 23 a 25 de fevereiro (domingo até a terça-feira de Carnaval), a partir 15h30
Onde: Hall do Paço Alfândega (Rua Alfândega, 35, Bairro do Recife)
Quanto: Gratuito
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Mais lidas

mais lidas

De 1 a 5: discos da música brasileira para ouvir na quarentena
Barrados na quarentena   o drama de quem não pode ficar em casa durante a pandemia
Resumo da semana: amor na pandemia, confinamento rastreado e mortes por Covid-19 em Pernambuco
Coronavírus: Como fica a distribuição de merendas na rede municipal do Recife
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco