Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Notícia de Viver

Em uma semana, Fogaça se divorcia, cai, fratura costela e pega pneumonia

Publicado em: 23/07/2019 09:49

"Obrigado a todas pessoas que estão me mandando mensagens positivas para a minha recuperação", escreveu o chef de cozinha. Foto: Instagram/Reprodução
 
A vida não está fácil para Henrique Fogaça. Em um intervalo de sete dias, o chef anunciou o fim do casamento, caiu de moto, quebrou uma costela e um dedo, e pegou uma pneumonia. Uma das estrelas do reality Masterchef Brasilcompartilhou a "onda de azar" nas redes sociais. 

A primeira baixa na vida pessoal de Fogaça aconteceu na semana passada. A separação da engenheira química Carine Ludvic, após cinco anos de relacionamento, foi confirmada pela assessoria de imprensa do cozinheiro na última terça-feira, (16). Três dias depois, na sexta-feira (19), o chef caiu de moto e foi parar no hospital, em Ribeirão Preto, interior de São Paulo. No Stories, ele lamentou a queda: "Pra hoje temos algumas costelas fraturadas. Puta que pariu. A mão... Tomando bronca enfermeira aqui, ó...", contou.

O chef ainda se recupera do acidente e deveria voltar ao trabalho nesta segunda-feira, (22), no entanto, a assessoria de imprensa de Fogaça informou que o cozinheiro também contraiu uma pneumonia. O chef compartilhou a informações em suas redes sociais. “Depois das costelas e dedo quebrado. Agora aparece pneumonia. Deus no comando. Zica braba", postou.

Polêmica com freiras
Recentemente, Henrique Fogaça também deu o que falar ao postar uma foto ao lado de duas freiras utilizando uma camisa estampada com duas mulheres vestidas como freiras se beijando.

A postagem rendeu tantas críticas, que Fogaça acabou apagando a publicação e pedindo desculpas. "Gostaria de me retratar a vocês sobre a foto que pus no Instagram e pedir desculpa a toda a igreja católica, aos cristãos. Para quem não sabe, eu fui batizado na igreja católica, assim como toda a minha família", afirmou Fogaça em vídeo publicado no Twitter.

"Fui, sim, infeliz em expor meus pensamentos. Acredito que cada um tenha suas convicções. Como ser humano, eu erro. O meu pedido de desculpas é sincero a todos os que se sentiram ofendidos e vem do fundo do meu coração. Perdoar não é concordar com meus atos. Perdoar é um ato de amor. Quem perdoa, cresce. Quem é perdoado, renova-se", continuou.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Pelé abre o jogo e fala sobre racismo, mil gols e sucessor
Não abandone animais, preze pela vida
Diabetes pode afetar a visão e provocar cegueira
Maduro: atitude passiva das autoridades policiais brasileiras
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco