Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

LINHA SEGURA

Operação realizada no Metrô do Recife registrou 55 prisões em um mês

Publicado em: 09/02/2021 16:33 | Atualizado em: 09/02/2021 16:37

 (PMPE/Divulgação)
PMPE/Divulgação
Em um mês de operação no sistema de metrô da Região Metropolitana do Recife, a Polícia Militar de Pernambuco (PMPE), registrou 55 prisões, além de 37 celulares recuperados, 380 gramas de maconha e 187 pedras de crack. As ações fazem parte da operação intitulada de Operação Linha Segura, um convênio da PM, com a Secretaria de Defesa Social de Pernambuco (SDS) e a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), iniciado em 5 de janeiro.

“Isso se deve ao trabalho de policiamento ostensivo desenvolvido pelo BPChoque e outras unidades da PM, que atuam no convênio através de abordagens constantes e orientações aos usuários e aos populares que desenvolviam atividades irregulares de comércio ambulante nas estações e composições”, explicou o comandante do Batalhão de Policiamento de Choque (BPChoque), Tenente Coronel Noronha.

De acordo com a Polícia Militar, cerca de 60 policiais estão sendo empregados no patrulhamento dentro das estações de metrô, nas plataformas e dentro dos trens. Em nota, a PM informou que “o lançamento do efetivo policial da Operação Linha Segura não compromete o policiamento ostensivo ordinário, visto que o efetivo trabalhará no dia de folga, sendo remunerado pelo Programa de Jornada Extra de Segurança (PJES)”.

“Este policiamento foi estabelecido com base em dados estatísticos, que são atualizados diariamente para a otimização do emprego do efetivo nos locais e horários de maior valor operacional. Sem falar da capacitação prévia do efetivo para atuação no metrô, visando informar as características próprias do terreno, tipos penais de maior ocorrência e procedimentos operacionais adequados para a atuação policial”, acrescenta o Tenente Coronel Noronha.

O comandante ainda salientou a importância do programa de consulta a celulares da SDS. “O sistema Alerta Celular também foi um fator importante para o quantitativo de telefones móveis recuperados com queixa de roubo ou furtos”, finaliza.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Combate à obesidade ganha ainda mais importância no contexto da pandemia
Resumo da semana: explosão de casos de Covid-19 e desdém do presidente
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 05/03
Na pior fase da pandemia, cidades fazem panelaço contra Bolsonaro
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco