Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

Feminicídio

Sargento da PM é preso no Dia de Natal, depois de atirar duas vezes em companheira

Publicado em: 25/12/2020 18:32 | Atualizado em: 25/12/2020 21:29

Um feminicídio cometido em pleno Natal chocou o Alto do Mandu, na Zona Norte do Recife. Ademir Tavares de Oliveira, 53 anos, que é sargento reformado da Polícia Militar, foi preso na madrugada desta sexta-feira por matar com dois tiros a própria esposa, a cabeleireira Anna Paula Porfírio dos Santos, 45, logo após a ceia de Natal.

Segundo parentes das famílias do assassino e da vítima, que participaram da comemoração natalina com o casal, Ademir e Anna Paula saíram da garagem de casa, onde a ceia foi servida, e subiram ao quarto deles por volta das 3h. Já no cômodo o sargento fez os disparos, que atingiram sua esposa no rosto e no peito. Ela morreu na hora. O suspeito permaneceu em sua residência, na Rua Luislândia, até ser preso por policiais militares acionados por testemunhas para atender a ocorrência.

O sargento, autuado em flagrante delito pelo crime de feminicídio, foi encaminhado para o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). O homem também passou pelo Instituto Médico Legal (IML), da Polícia Científica, que fornecerá bases técnicas para o julgamento.

A Polícia Militar informou que não iria se pronunciar e que as investigações do caso, que estão sob a responsabilidade da Polícia Civil. O Diario entrou em contato com a Polícia Civil, mas não obteve respostas até o fechamento desta edição. Segundo familiares da vítima e do policial, os dois estavam casados há 20 anos e tinham uma filha de 13 anos, que estava em casa na hora do crime. 

 

DADOS 

Um total de 59 feminicídios foram registrados no estado entre janeiro e outubro de 2020, contra 51 no mesmo período em 2019. No mesmo período do ano anterior, foram contabilizados 51 crimes do tipo. 

Os casos de violência doméstica e familiar contra a mulher saíram de 38.847 em 2019 para 37.716 em 2020, o que representa uma diminuição de 2,91%. O mês de novembro registrou um aumento de 2,34% em relação a 2019 nos crimes, saindo de 3.681 casos em 2019 para 3.767 em 2020.

Em novembro, Pernambuco teve redução de registros de estupro tanto no mês como no acumulado do ano. O mês registrou retração de 21,63% quando comparado ao mesmo período de 2019, saindo de 208 para 163 denúncias. A queda também é observada entre janeiro e novembro, com uma diminuição de 2.397 casos em 2019 para 2.088 casos em 2020, representando um recuo de 12,89% nos índices. 


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
De 1 a 5: como as mudanças no WhatsApp afetam sua privacidade
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 25/01
Enem 2020: professores do Colégio Núcleo comentam ao vivo as provas deste domingo
Verão inspira cuidados com a saúde e alimentação
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco