Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

VIOLÊNCIA CONTRA MULHER

Eduardo diz que governo Bolsonaro 'bateu recorde em prender machões'

Publicado em: 23/06/2022 20:55

 (Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados)
Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados
O filho “03” do presidente Jair Bolsonaro (PL), o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PL-SP), usou o vídeo da procuradora espancada por um colega de trabalho para promover o governo federal.

Eduardo afirma que o governo do presidente Bolsonaro “bateu recorde em prender os machões agressores de mulheres”.

“Essas cenas são revoltantes e merecem todo nosso repúdio. Nenhum homem em sã consciência aprova esta covardia. Se ele estava se achando encrencado por sofrer um processo administrativo movido pela mulher, agora sim que ele jogou sua carreira no lixo”, escreveu o deputado em seu perfil nas redes sociais.


Procuradora agredida por colega

A procuradora-geral do municiípio de Registro (SP), Gabriela Samadello Monteiro de Barros, de 39 anos, foi agredida por Demétrius Oliveira Macedo, de 34, também procurador, seu subordinado.

A situação aconteceu na tarde da última segunda-feira (20), por volta das 16h50, na Prefeitura de Registro (SP).

A ação filmada por outra funcionária mostra o procurador desferindo socos e chutando a Gabriela.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Desemprego cai a 9,8% entre março e maio no Brasil
Manhã na Clube: entrevistas com o deputado federal Daniel Coelho e com a Dra. Magda Maruza
Registro de armas dispara no Brasil durante governo Bolsonaro
Manhã na Clube: Diogo Moraes (PSB) e Alexandre Henrique (PSOL), pré-candidato a dep. estadual
Grupo Diario de Pernambuco