Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

CPI DA COVID

Advogada confirma que certidão de óbito da mãe de Luciano Hang foi alterada

Publicado em: 28/09/2021 17:30 | Atualizado em: 28/09/2021 20:54

 (foto: Redes Sociais/Reprodução)
foto: Redes Sociais/Reprodução
A advogada Bruna Morato, que representa 12 médicos da Prevent Senior, confirmou na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid, nesta terça-feira (28), que a certidão de óbito da mãe do empresário Luciano Hang, Regina Hang, foi alterada.

De acordo com ela, a mãe do empresário bolsonarista foi submetida ao uso do 'kit Covid'. Hang negou essa informação em vídeo onde ele lamentou a morte da mãe.
 
"A causa do óbito da senhora Regina é desassociada da informação. Ela morre de falência múltipla dos órgãos, segundo o atestado de óbito, decorrente de um choque hemorrágico. Contudo, a evolução do prontuário mostra que ela foi internada por Covid”, disse. “Até o final, todas as doenças que ela teve decorrentes da internação estão relacionadas à Covid, o que infringe a determinação do Ministério da Saúde em informar a ocorrência desse fato em documentos públicos", afirmou.

O prontuário médico da mãe do empresário bolsonarista afirma que ela morreu em consequência de uma pneumonia bacteriana e não cita a Covid-19, motivo pelo qual foi internada na unidade hospitalar Sancta Maggiore (em São Paulo), como causa da morte.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Uso de máscara em locais abertos deixa de ser obrigatório no Rio
Manhã na Clube: entrevistas com o vereador Romero Jatobá (PSB), dr. Sérgio Paulo e Jaqueline Araújo
CPI aprova relatório que pede indiciamento de Bolsonaro
Manhã na Clube: entrevistas com Raul Henry, Gustavo Frigieiri e Vânia Besse
Grupo Diario de Pernambuco