Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Opinião
Honra ao mérito para um profissional da Medicina

Giovanni Mastroianni
Advogado, administrador e jornalista

Publicado em: 27/05/2022 03:00 Atualizado em:

Tão logo tomei conhecimento de mais um grande feito, na área da Medicina, realizada por afamado hepatologista, que honra a profissão que abraçou, não pude deixar de lhe enviar a mensagem, abaixo trasladada, que, com muita satisfação, faço questão de, na medida do possível, torná-la pública, pois engrandece um profissional que modesta e, também, discretamente, dignifica o Conselho Regional de Medicina, deste estado. Eis, na íntegra, o teor de minha missiva: “Estimado amigo, hepatologista Cláudio Lacerda:
Vi sua entrevista, através da televisão, e li seu belo artigo, inserido, neste 26 de maio, no Diario de Pernambuco, sobre o transplante que realizou, em tempo hábil, numa jovem paciente, portadora de uma hepatite de origem desconhecida. Caruaruense que sou, sinto orgulho de saber que Pernambuco conta, em seu corpo médico, com um cirurgião de sua estirpe, cuja fama já ultrapassou as fronteiras do país e que é, também, sempre o primeiro a ser lembrado, nas ocasiões em que ocorrem casos raros, como o acima descrito, e tantos outros que se tornaram públicos, em suas belas publicações, nos livros que esse recifense editou e em seus artigos, publicados no “mais antigo jornal em circulação na América Latina”.

Infelizmente, nem sempre temos a honra de divulgar notícias dessa natureza, quando se trata da classe médica. Lamentavelmente, quase que diariamente, a imprensa está divulgando, exatamente, o oposto de seu comportamento com os enfermos, que, sem distinção, se deste ou e de outros estados, aportam, nos “nosocômios” da cidade, em busca de salvação e, tão logo, são devolvidos para seus lares, sempre com desculpas injustificáveis, numa demonstração incontestável de que não absorveram muito bem as promessas feitas, quando fizeram seus juramentos, contrastando, assim, com o pensamento que deve ter sido, talvez, o maior ideal de Hipócrates, expressa, em uma simples frase: “Exercerei a minha profissão com consciência, bem como com a maior dignidade de acordo com as boas práticas da Medicina”. Esse, também, tem sido seu ideal, ao longo de sua meritória carreira profissional. Apesar de, entre seus amigos,  colocar-me como um dos mais modestos, não posso deixar de registrar minha alegria em externar a admiração que tenho por tão competente e despretensioso cirurgião.

Desemprego cai a 9,8% entre março e maio no Brasil
Manhã na Clube: entrevistas com o deputado federal Daniel Coelho e com a Dra. Magda Maruza
Registro de armas dispara no Brasil durante governo Bolsonaro
Manhã na Clube: Diogo Moraes (PSB) e Alexandre Henrique (PSOL), pré-candidato a dep. estadual
Grupo Diario de Pernambuco