Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Opinião
Bodas de Prata...

Erik Limongi Sial
Sócio fundador do Limongi Sial & Reynaldo Alves Advocacia.
eriksial@lsra.adv.br

Publicado em: 25/06/2019 03:00 Atualizado em: 25/06/2019 15:55

A ideia era constituir uma banca de advocacia, juntando os acervos oriundos da graduação e reduzido mobiliário. Jovens advogados,  recém-formados, nenhum dos dois herdeiro de qualquer sobrenome renomado no habitat jurídico, tínhamos mais sonhos que materiais. Era o limiar de 1994, época em que desktops eram artigos de luxo, tablets, smartphones, internet e arquivos nas nuvens itens mais do que futurísticos.

Num mundo ainda por se tornar analógico, em que os processos – do Judiciário Federal ou Estadual - eram todos físicos, o compromisso com o esmero nos impeliu a seguir adiante. De uma sala alugada na Rua Marquês do Herval, em Santo Antônio, progrediu-se cerca de dois anos após para outra no Recife Empresarial One, Boa Vista, recém -inaugurado. Outros cinco lustros e chegamos à Rua Cardeal Arcoverde, na qual, agora já em 2006, adquirimos nossa sede, sucessivamente ampliada.

Os ideais desses dois causídicos atraíram outros tantos, tendo o escritório, pelos idos de 2011, passado a contar com jovens advogado (as)que, pela comunhão de propósitos, vieram abrilhantar nosso quadro de sócios. Inicialmente masculino, se transmudou numa sociedade que, a par de majoritariamente integrado por sócias, tem sua equipe jurídica quase que inteiramente feminina, o que se deu não em decorrência da pauta que veio anos depois a se tornar politicamente correta, mas pela insofismável expertise e denodo das selecionadas.

Fiel a seu caráter precursor, o escritório inovou na autonomia gerencial, sendo a gestão financeira e de recursos humanos confiadas às sócias. A par de ter sido o pioneiro dentre as sociedades advocatícias pernambucanas a implantar programa de compliance, foi o primeiro na instalação de “kids place”, ambiente customizado para filhos dos seus membros, viabilizando que mamães e papais possam com tranquilidade – e igualdade de condições - desempenhar suas respectivas atribuições. Esse viés inovador sem dúvida contribui para o móvel que instila em todos que fazem o Limongi Sial & Reynaldo Alves o ânimo de perseguir a máxima aderência a seus clientes, corporativos ou não, sempre no afã de fazer mais e melhor.

Em perspectiva, quando finalizamos as celebrações pelo primeiro quarto de século, honrados com as preleções de renomados jurisconsultos nacionais e internacionais, constatamos a veracidade da máxima extraída da biografia de Júlio César (Suetônio)...Não basta ser, tem que parecer! Somos sim advogados e advogadas, por vocação e, mais do que tudo, por devoção!! Que venham os próximos 25 anos!!

Lula: sou um homem melhor do que aquele que entrou na cadeia
Resenha SuperEsportes: o quase do Sport, sub-20 do Santa e eleições no Náutico
De 1 a 5: artistas que trabalham com barro
Sobe, Lia, sobe.
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco