Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Mundo

CORONAVÍRUS

OMS alerta que Europa continua 'vulnerável' apesar da redução de casos

Por: AFP

Publicado em: 11/02/2021 10:33

 (Foto: Jack Guez/AFP)
Foto: Jack Guez/AFP
A maioria dos países europeus ainda é "vulnerável" à Covid-19, mesmo que seus números tenham melhorado, afirmou a Organização Mundial da Saúde (OMS) nesta quinta-feira (11), alertando sobre os riscos desse "falso sentimento de segurança" devido ao número ainda pequeno de vacinados.

"Uma maioria esmagadora de países europeus continua sendo vulnerável", disse Hans Kluge, diretor da divisão Europa da OMS, em coletiva de imprensa.

"Se não interrompermos a transmissão (do vírus) agora, os benefícios esperados das vacinas no combate a esta pandemia podem não ser tantos", insistiu o responsável. "Atualmente, há uma fronteira frágil entre a esperança das vacinas e o falso sentimento de segurança", acrescentou.

No total, nos 53 países que compõem a região Europa da OMS, alguns deles na Ásia central, o número de casos semanais registrados supera o milhão, mas os números de contágios estão diminuindo há quatro semanas e as mortes por Covid-19 também, destacou a OMS.

Simbolicamente, o número de doses administradas na região (41 milhões) já superou o de casos registrados oficialmente desde o início da pandemia (36 milhões).

No entanto, neste momento, apenas 1,5% da população desta região Europa foi vacinada.

Na União Europeia (UE), somente 2,9% da população recebeu uma dose, segundo uma contagem da AFP desta quinta-feira. Um total de 5,83 milhões de pessoas receberam a segunda dose, o que representa 1,3% da população.

A OMS insistiu novamente na importância de que a distribuição das vacinas seja justa, independentemente da riqueza do país.

"O acesso desigual às vacinas pode se voltar contra nós. Quanto mais tempo o vírus estiver presente, mais risco haverá de mutações perigosas", alertou Kluge.

Na região Europa, 38 países já registraram casos da variante britânica e 19 da variante sul-africana, segundo os últimos dados disponíveis.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Combate à obesidade ganha ainda mais importância no contexto da pandemia
Resumo da semana: explosão de casos de Covid-19 e desdém do presidente
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 05/03
Na pior fase da pandemia, cidades fazem panelaço contra Bolsonaro
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco