Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Mundo

Policial acusado da morte de George Floyd é libertado após pagar fiança de US$ 1 milhão

Publicado em: 07/10/2020 17:30

Derek Chauvin, acusado pela morte de George Floyd (Foto: Handout/Hennepin County Jail/AFP)
Derek Chauvin, acusado pela morte de George Floyd (Foto: Handout/Hennepin County Jail/AFP)
Acusado pela morte de George Floyd, o ex-policial Derek Chauvin pagou fiança de R$ 1 milhão (cerca de R$ 5,6 milhões) e ganhou liberdade condicional nesta quarta-feira (7). De acordo com documentos da Justiça dos Estados Unidos, mesmo em liberdade, ele não poderá voltar ao trabalho policial e nem se aproximar da família do ex-segurança negro.

Chauvin foi preso no mês de maio após ser flagrado agredindo George Floyd com a perna sobre o seu pescoço por oito minutos e 46 segundos. O ato violento culminou na morte Floyd, que gerou uma onda de protestos antirracistas nos Estados Unidos e ao redor do mundo. 

O ex-policial responde por Homicídio em segundo grau (assassinato intencional não premeditado, quando o autor tem intenção de causar danos corporais à vítima) e 
Assassinato em terceiro grau (quando se considera que o responsável pela morte atuou de forma irresponsável ou imprudente). 
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Rhaldney Santos entrevista Dr. Felipe Dubourcq, urologista
Polícia Federal vai usar drones para fiscalizar irregularidades nas eleições
Rhaldney Santos entrevista Dr. João Gabriel Ribeiro, neurocirurgião
Rhaldney Santos entrevista Armando Sérgio (Avante)
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco