Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Mundo

Covid-19

Fonte próxima afirma que estado de saúde de Donald Trump é preocupante

Por: AFP

Publicado em: 03/10/2020 14:06

 (Foto: Jim Watson/AFP )
Foto: Jim Watson/AFP
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, diagnosticado com covid-19, está "muito bem", afirmaram os médicos neste sábado, mas uma fonte que está a par de seu quadro de saúde citou preocupação com seu estado.Na primeira atualização oficial sobre as condições do presidente desde que ele foi internado na sexta-feira no hospital militar Walter Reed, os médicos expressaram otimismo com seu progresso.

"Neste momento, a equipe e eu estamos extremamente felizes com o progresso que o presidente fez", disse o médico da Casa Branca, Sean Conley, antes de destacar que Trump está "sem febre há mais de 24 horas". "Nós monitoramos sua função cardíaca, renal e hepática. Todas estão normais", acrescentou Sean Dooley, outro integrante da equipe médica de Trump.

Mas uma fonte a par do estado de saúde do presidente apresentou um relato menos otimista. "Os sinais vitais do presidente nas últimas 24 horas foram muito preocupantes e as próximas 48 horas serão críticas em termos de seu atendimento. Nós ainda não estamos em um caminho claro para uma recuperação completa", disse a fonte.

Conley evitou as perguntas dos jornalistas sobre se Trump recebeu tratamento com oxigênio em algum momento, mas depois afirmou que o presidente não precisou de oxigênio suplementar na quinta-feira ou desde que chegou ao Walter Reed.

Ele disse que Trump tem "apenas 72 horas de diagnóstico", dando a entender que o presidente ficou doente um dia antes do anúncio do resultado do teste. Mas a Casa Branca explicou que Conley pretendia afirmar que o sábado é o terceiro dia desde o resultado positivo do teste do presidente na quinta-feira passada.

Logo depois que Trump chegou ao hospital, Conley informou em um comunicado que o presidente estava iniciando um tratamento com o medicamento remdesivir e recebeu uma dose de oito gramas de um coquetel experimental de anticorpos.

Conley não citou uma possível data para a alta de Trump do hospital e não divulgou a temperatura do presidente.




Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Rhaldney Santos entrevista Celso Muniz (MDB)
Enem para todos com professor Fernandinho Beltrão #181 - Tiops de rins dos vertebrados
Rhaldney Santos entrevista Dr. Felipe Dubourcq, urologista
Polícia Federal vai usar drones para fiscalizar irregularidades nas eleições
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco