Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Notícia de Mundo

denúncia

Promotoria espanhola pede oito anos de prisão para sargento da FAB que transportava cocaína

Publicado em: 17/10/2019 09:17

Reprodução/Internet
A promotoria da Espanha pediu que o militar brasileira Manoel Silva Rodrigues seja condenado a oito anos de prisão. Rodrigues entrou no país com 37 pacotes de cocaína que somavam 37 kgs, durante uma viagem realizada pela comitiva presidencial para o encontro do G-20, ocorrido no Japão em junho deste ano. 

A solicitação da promotoria é de que, além de cumprir os oito anos de prisão, Rodrigues também pague uma multa de 4 milhões de euros, o que é equivalente a mais de R$ 18 milhões. 

O sargento da Aeronáutica foi preso em Sevilha no dia 25 de junho com a cocaína na bagagem quando um raio-x detectou a presença de material orgânico na mala do militar. Ao ser questionado, Rodrigues afirmou que estava levando queijo para uma prima que morava na Espanha. O incidente levou a comitiva a transferir a escala do avião onde estava o presidente Bolsonaro de Sevilha para Lisboa. A Aeronáutica e as autoridades espanholas instauraram inquérito para investigar o caso. 
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
De 1 a 5: artistas que trabalham com barro
Sobe, Lia, sobe.
João Alberto entrevista Larissa Lins
Como se preparar para as provas do SSA 3 da UPE
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco