FARC Ataque a militares deixa dois mortos e nove feridos na Colômbia

Por: AFP - Agence France-Presse

Publicado em: 12/07/2019 17:32 Atualizado em:

Foto: AFP
Foto: AFP
Dois militares morreram, e nove ficaram feridos em uma emboscada atribuída a guerrilheiros dissidentes das Farc no sudoeste da Colômbia - anunciou o Exército em nota divulgada nesta sexta-feira (12).

Morreram na emboscada o sargento Jonathan Verdugo e o soldado Alex Irua, informou o Exército colombiano, acrescentando que, dos nove militares feridos, dois se encontram em estado grave.

O ataque aconteceu na noite de quinta-feira, no município de Cumbitara, no departamento de Nariño, perto da fronteira com o Equador.

O grupo de militares caiu em uma armadilha com explosivos e, depois, foram atacados com rajadas de fuzil.

Em um comunicado, o Exército responsabilizou o grupo dissidente "Estiven Gonzales", da guerrilha dissolvida das ex-Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc).

O departamento de Nariño é a zona com mais plantações de coca do mundo, com quase 46.000 hectares plantados, segundo a última medição da ONU, em 2017.

Por sua localização estratégica para a saída de cocaína para a América Central e para os Estados Unidos, a zona é disputada por dissidentes que não aderiram ao pacto de paz de 2016, por traficantes de drogas e pelo Exército de Libertação Nacional (ELN).


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.