Pernambuco.com
Pernambuco.com
Notícia de Divirta-se

TV

Após demissão, Chico Pinheiro revela que pode virar motorista de app

Por: Portal Uai

Publicado em: 03/05/2022 14:55

 (crédito: Reprodução/TV Globo)
crédito: Reprodução/TV Globo
Chico Pinheiro, de 68 anos, deixou o jornalismo da TV Globo na última semana, após 32 anos de serviço prestado na emissora.

A decisão de sair do canal da família de Roberto Marinho (1904-2003) foi tomada pelo próprio jornalista, conforme informou o diretor de jornalismo Ali Kamel em um comunicado interno na última sexta-feira (29).

No entanto, ele já tem planos para a vida profissional, mas fora das telinhas. Em entrevista à Cristina Padiglione, do jornal Folha de S. Paulo, o ex-âncora do Bom dia Brasil contou que não tem nada definido, embora tenha dois planos em mente.

"Montar um escritório de media training para políticos e empresários, ou virar motorista de carro de aplicativo", disse. Chico ainda explicou o motivo de tal hipótese.

"Adoraria rodar pela cidade, cada hora pegar uma pessoa que eu não sei para onde vai e ouvir a história dela. Adoro dirigir, ouvir histórias, rodar pela cidade", acrescentou.

Pinheiro ainda brincou que o serviço de transporte via aplicativo não incluiria café ou água aos passageiros. Em contrapartida, ele estaria disposto ouvir as histórias dos usuários.

"Não dou cafezinho nem água, mas estou disposto a ouvir essas pessoas todas. Pego um no aeroporto: 'Onde é que você vai?' 'Cemitério São João Batista'. Vou só ouvindo. 'Vou fechar um negócio das arábias', 'Vou encontrar alguém', aí já tem uma história de amor. Vou ouvindo tudo isso e depois registro no meu diário de bordo pra contar essas histórias anonimamente, sem identificar ninguém. É uma ideia", destacou.

Durante o bate-papo, ele revelou outro possível plano é reviver o Sarau, programa de música que comandou no Globonews. O comunicador disse que já surgiu uma proposta para juntar músicos para fazer apresentações e passear pela cidade. "Mas ainda é uma ideia", frisou.

Saída da TV Globo

A saída de Chico Pinheiro da Globo foi anunciada na última sexta-feira (29) em um comunicado interno assinado pelo diretor-geral de jornalismo da emissora, Ali Kamel. Segundo o executivo, o desligamento do profissional veio em "comum acordo" entre as partes.

"Depois de 51 anos de jornalismo diário, 32 deles na Globo, em comum acordo com a emissora, Chico decidiu deixar o dia a dia da vida de repórter, como ele faz questão de se definir. Pretende se dar um sabático e, mais adiante, se dedicar a atividades num ritmo mais espaçado. E combinou comigo que esperaria o fim de mais uma brilhante transmissão do Carnaval, a que se dedica há vinte anos, para que esse anúncio fosse feito, numa sexta-feira", explicou.

"De nós, seus colegas e amigos, fica o reconhecimento de ter convivido na redação com um dos grandes jornalistas que a televisão brasileira já produziu e uma das pessoas 'boa gente' com quem já compartilhamos histórias e experiências. Entre mim e Chico fica carinho e amizade, e muitas sextas-feiras por vir. A ele, agradeço em nome da Globo por toda a contribuição que deu ao nosso jornalismo", acrescentou.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Toalhas de Lula e Bolsonaro movimentam o comércio e dão o tom das eleições
Desemprego cai a 9,8% entre março e maio no Brasil
Manhã na Clube: entrevistas com o deputado federal Daniel Coelho e com a Dra. Magda Maruza
Registro de armas dispara no Brasil durante governo Bolsonaro
Grupo Diario de Pernambuco