Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Brasil

DEFESA DA CIÊNCIA

Rejeitada por Bolsonaro, Luana Araújo mantém blog a favor da ciência

Publicado em: 02/06/2021 22:22

 (Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado)
Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado
"Este blog se utiliza das fontes científicas mais atualizadas e seguras para que você nunca mais se perca em fake news." É assim que a mestre em saúde pública e infectologista Luana Araújo encerra o texto de apresentação do site que criou, no início da pandemia de Covid-19, para compartilhar informações sobre doenças infecciosas e tratamentos, inclusive sobre a Covid-19, o Des-Infectando! - Infectologia sem mistérios.

O conteúdo do blog revela que Luana, que teve o nome rejeitado após ser indicada para se tornar secretária extraordinária de Enfrentamento à Covid-19 do Ministério da Saúde, apresenta um posicionamento diferente ao da Presidência da República. Em um post criado há um ano, Luana é enfática ao rebater o uso da cloroquina no tratamento da covid-19, medicação defendida fortemente pelo presidente da República Jair Messias Bolsonaro (sem partido).

“O uso da cloroquina ou da hidroxicloroquina não mostra resultado positivo e ainda pode levar pacientes a óbito”, escreve em letras maiúsculas em um dos trechos do texto. A divergência sobre o uso da medicação foi um dos motivos pelos quais o ex-ministro da Saúde Nelson Teich deixou a pasta em 15 de maio de 2020.

Em outro artigo divulgado há seis meses, a médica afirma que todos estão exaustos pelo combate à Covid-19 e que as medidas restritivas de controle de transmissão são “as únicas eficazes nessa luta”. Há também postagens em que a médica destrincha as origens e eficácias das vacinas.

Mesmo com posicionamento claramente contrário ao de Bolsonaro, a infectologista afirmou, durante depoimento na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19 nesta quarta-feira (2), que não sabe se a defesa à ciência foi motivo para ser dispensada do cargo de secretária. “Se o veto ao meu nome foi em função da posição crítica, técnica, a mim só me resta lamentar. Eu não sei se foi isso, mas se foi considero isso trágico”, declarou.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube: entrevistas com Túlio Gadêlha, Beatriz Paulinelli e Guilherme Maia
Advogado de enfermeira afirma que Maradona foi morto
Manhã na Clube: entrevistas com Décio Padilha, Adriana Barros e Roseana Diniz
Para evitar contaminação por Covid, robôs oferecem água benta em Meca
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco