visita presidencial Em relação à visita de Bolsonaro, Paulo Câmara diz que espera ações positivas para o Nordeste

Por: José Matheus Santos

Publicado em: 23/05/2019 10:20 Atualizado em:

Governador vai acompanhar agenda de Bolsonaro no Recife e em Petrolina, no Sertão do São Francisco (Foto: José Matheus Santos/Esp.DP) (Governador vai acompanhar agenda de Bolsonaro no Recife e em Petrolina, no Sertão do São Francisco (Foto: José Matheus Santos/Esp.DP))
Governador vai acompanhar agenda de Bolsonaro no Recife e em Petrolina, no Sertão do São Francisco (Foto: José Matheus Santos/Esp.DP)
O governador Paulo Câmara (PSB) vai acompanhar, nesta sexta-feira (24), a visita do presidente Bolsonaro a Pernambuco. O socialista será um dos governadores presentes na agenda do Conselho Deliberativo da Sudene no Instituto Ricardo Brennand, na Várzea, Zona Oeste do Recife. Segundo a assessoria do Governo de Pernambuco, Paulo estará na agenda do chefe do Executivo brasileiro também em Petrolina. 

Na visão de Paulo Câmara, é preciso um olhar especial do Governo Federal para o Nordeste, sobretudo por conta das desigualdades existentes. “Espero que o Plano de Desenvolvimento do Nordeste traga ações positivas para o avanço econômico da região e que possa haver outros desdobramentos. Há muita desigualdade no Nordeste, é tanto que temos 28% da população e apenas 14% do PIB do país”, afirmou Paulo Câmara nesta quinta-feira (23) após agenda com o ministro da Justiça, Sergio Moro, na Secretaria de Planejamento de Pernambuco. 

No Recife, a partir das 10h, Bolsonaro deverá anunciar um acréscimo de R$ 2,1 bilhões ao Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste, a ser usado em obras de infraestrutura. Ao todo, o fundo passará a ter R$ 25,8 bilhões em 2019. Oficialmente, a viagem marcará o lançamento do Plano Regional de Desenvolvimento do Nordeste (PRDNE), elaborado pela primeira vez no âmbito da Sudene. 

São esperadas as presenças de onze governadores. Além do anfitrião Paulo Câmara (PSB), devem comparecer os nordestinos Flávio Dino (PCdoB-MA), Wellington Dias (PT-PI), Camilo Santana (PT-CE), Fátima Bezerra (PT-RN), João Azevedo (PSB-PB), Renan Calheiros Filho (MDB-AL), Belivaldo Chagas (PSC-SE) e Rui Costa (PT-BA). Também estão previstas as vindas dos governadores de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), e do Espírito Santo, Renato Casagrande (PSB-ES), que são líderes de estados que integram a Sudene. 

Em Petrolina, no Sertão, Jair Bolsonaro vai inaugurar, por volta das 14h30, um conjunto habitacional do programa Minha Casa Minha Vida. O prefeito Miguel Coelho (sem partido) estará presente. 



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.