Fatalidade Idoso morre atropelado por máquina com rolo compressor

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 21/05/2019 07:53 Atualizado em: 22/05/2019 10:41

Foto: Reprodução/Google Street View. (Foto: Reprodução/Google Street View.)
Foto: Reprodução/Google Street View.

Um idoso morreu atropelado por uma máquina de asfalto, equipada com rolo compressor, no bairro da Macaxeira, Zona Norte do Recife. O acidente aconteceu nesta segunda-feira (20), por volta das 17h. A vítima estava na rua Campo da União, quando o operador da máquina compactadora de aterro perdeu o controle, saindo da pista, derrubando um poste e atropelando a vitima que morreu no local.

De acordo com a Polícia Civil, o caso foi recebido pela Central de Plantões, que encaminhou o corpo de Manoel Francisco da Silva, 69 anos, para o Instituto de Medicina Legal (IML), no bairro de Santo Amaro. Ainda foi solicitada pericia, que será realizada pelo Instituto de Criminalística (IC). O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ainda foi acionado, mas a vítima já estava sem vida.

Segundo a Empresa de Manutenção e Limpeza Urbana (Emlurb), responsável pelo serviço de pavimentação no Recife, por determinação contratual, a empresa contratada para esse tipo de serviço tem obrigação de prestar todo o apoio à família da vítima. Ainda assim, a Prefeitura do Recife enviou uma equipe da Secretaria de Desenvolvimento Social para atender a família e verificar se a empresa contratada está cumprindo suas obrigações.
 
Em nota, a Lidermac, empresa contratada pela Empresa de Manutenção e Limpeza Urbana (Emlurb), lamentou o ocorrido.

Confira a nota:

A Lidermac, empresa de engenharia que há 25 anos atua na região Nordeste, sendo a prestadora de serviço contratada pela Empresa de Manutenção e Limpeza Urbana (Emlurb) para a realização da obra de pavimentação no bairro da Macaxeira, Zona Norte do Recife, lamenta profundamente a fatalidade ocorrida e vem a público reiterar que está prestando toda solidariedade e providências em apoio à família da vítima do acidente.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.