cinema Tarantino implora para que ninguém dê spoilers de seu novo filme em Cannes

Por: Guilherme Genestreti

Por: FolhaPress - FolhaPress

Publicado em: 20/05/2019 16:35 Atualizado em: 20/05/2019 18:04

Foto: AFP Photo
Foto: AFP Photo

O cineasta Quentin Tarantino escreveu uma carta endereçada a todas as pessoas que estão no Festival de Cannes implorando para que ninguém espalhe detalhes de seu novo filme, "Era uma Vez em Hollywood".

"Eu amo cinema. Você ama cinema. É a jornada de descobrir uma história pela primeira vez", diz o documento assinado pelo diretor americano. Seu longa estreia nesta terça (21) e está na disputa pela Palma de Ouro, o maior prêmio do cinema autoral.

Cercada de mistérios, a obra é o título mais aguardado desta edição da mostra francesa de cinema. Faz 25 anos que Tarantino levou o prêmio em Cannes pelo cultuado "Pulp Fiction".

Leonardo DiCaprio e Brad Pitt estrelam a produção nos papéis de um ator decadente de televisão e de seu dublê, respectivamente, vagando pela Los Angeles de 1969. Naquele verão, a seita do psicopata Charles Manson aterrorizou celebridades hollywoodianas e matou, entre outras pessoas, a atriz Sharon Tate, que estava grávida.

Margot Robbie interpreta o papel da ex-mulher de Roman Polanski. Mas é pouco provável que Tarantino vá seguir os rumos da história verdadeira e encenar seu brutal assassinato. É mais provável que ele tope por uma versão fantasiosa, como a que adotou em "Bastardos Inglórios", que mostra um desfecho alternativo para a morte de Hitler.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.