Música Centenário de Dalva de Oliveira é celebrado com espetáculo no Recife

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 16/05/2019 18:10 Atualizado em:

Legenda da foto: Eliane Pittman, Alaíde Costa, Márcio Gomes e Claudette Soares. Foto: Divulgação
Legenda da foto: Eliane Pittman, Alaíde Costa, Márcio Gomes e Claudette Soares. Foto: Divulgação
Em homenagem ao centenário de Dalva de Oliveira, quatro cantores se reuniram em um espetáculo desenhado por diferentes estilos e gerações para interpretar os clássicos do repertório da artista. Eliane Pittman, Claudette Soares, Alaide Costa e Marcio Gomes são os responsáveis por resgatar os diversos ritmos que influenciaram a intérprete, como o samba-canção, bolero, tango até marchinhas de carnaval. A cantora faleceu em 1972 e foi uma das mais importantes cantoras do Brasil, ficando conhecida como Rouxinol do Brasil por apresentar uma voz marcada pela extensão do contralto ao soprano. A performance é baseada no álbum Os 100 anos de Dalva de Oliveira, lançado em 2018. No Recife, o espetáculo será neste sábado (18), a partir 21h, no Teatro Boa Vista. Os ingressos custam R$ 60 (meia) e R$ 120 (inteira). 

“Estou muito feliz em fazer parte dessa homenagem à Dalva. Toda cantora brasileira gostaria de um dia ser o que Dalva foi. Eu mesma sempre quis, mas não deu né? [risos] Para mim, é uma honra e um privilégio cantar seus clássicos”, conta Claudette Soares, a Princesinha do Baião, que recebeu o apelido após ser apadrinhada por Luiz Gonzaga. Por anos, cantou clássicos de Roberto Carlos, como De Tanto Amor, escrita especialmente para ela e se destacou na bossa nova. O diretor e roteirista Thiago Marques fez a seleção das músicas e preparou o repertório do show pensando no estilo de cada cantor. “Vou interpretar as canções de Dalva que mais me agradam e marcaram minha trajetória. Foi uma decisão acertada de Thiago, e formou uma apresentação muito bonita, não poderia ter sido melhor”. Em seu trabalho mais recente, o álbum Canção de Amor, Claudette gravou parceria com Ayrton Montarroys.

Por influência do pai, Booker, Eliana Pittman teve contato desde nova com bossa nova, sambalanço e Jazz. Nos anos 1960, gravou disco em conjunto com o pai. Na década 1970, revelou para o Brasil o carimbó, ritmo do Pará. Já Alaíde Costa começou a carreira cantando o repertório de Dalva de Oliveira e ngela Maria ainda nos anos 50. Com o surgimento da Bossa Nova, encontrou espaço com a melodia e voz, e chegou a gravar participações em grandes discos, como Clube da Esquina, de Milton Nascimento. Com 15 anos de carreira, Márcio Gomes foi intitulado como o novo Rei da Voz e já realizou parcerias com artistas como ngela Maria, Cauby Peixoto e Agnaldo Timóteo. Do encontro das quatro vozes, são esperadas as músicas Ave Maria do Morro, Bandeira Branca, Máscara Negra, Neste mesmo lugar e Hino ao Amor, canções que marcaram as décadas de 1950, 1960 e 1970. A direção musical do espetáculo é assinada pelo pianista Alexandre Vianna.

SERVIÇO
100 anos de Dalva de Oliveira - Show com Eliane Pittman, Claudette Soares, Alaide Costa e Marcio Gomes
Quando: neste sábado (18), a partir 21h
Onde: Teatro Boa Vista (R. Dom Bosco, Boa Vista)
Ingressos: R$ 60 (meia-entrada) e R$ 120 (inteira) e podem ser adquiridos na bilheteria do teatro e na Ticket Folia.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.