Pesquisa Projeto da UFPE faz conservação de 8.913 partituras de frevo manuscritas Trabalho foi realizado pelo Grupo de Pesquisa Imago e Humanidades Digitais, do Departamento de Ciência da Informação

Publicado em: 19/03/2019 18:32 Atualizado em: 19/03/2019 18:34

Foto: UFPE/Divulgação.
Foto: UFPE/Divulgação.
Um acervo de 8.913 partituras de frevo manuscritas, inseridas em 612 arranjos musicais do século 20, utilizadas pela banda Capitão Zuzinha (Banda da Polícia Militar do Estado de Pernambuco), passou por uma ação de conservação que incluiu a elaboração de um inventário detalhado, práticas de higienização, manuseios para restauração primária e adequado acondicionamento. O Grupo de Pesquisa Imago e Humanidades Digitais, do Departamento de Ciência da Informação (DCI) da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), realizou a ação no ano passado, nas dependências do Memorial Denis Bernardes, na Biblioteca Central.

Coordenado pelo professor Diego Salcedo, o projeto de extensão “Preservação das partituras manuscritas de frevo da Banda Capitão Zuzinha” teve participação de estudantes do curso de Biblioteconomia e contou com uma oficina de restauro ministrada pela professora Danielle Alves, da Universidade Federal da Paraíba (UFPB, em uma parceria entre Whiting Foundation/Prince Claus Fund da Holanda, o próprio Memorial e o DCI. “Como resultado direto do trabalho, professores de Antropologia e Música procuraram o grupo Imago para elaborar ações futuras que envolvam elementos de pesquisa, ensino e cultura”, destaca o professor.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.