• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Televisão BBB18: 'Gentinha preconceituosa, homofóbica e racista', diz Ana Paula sobre família confinada Integrantes da família Lima tiveram publicações com teor preconceituoso reavivados nas redes sociais e foram criticados pela ex-BBB

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 23/01/2018 11:42 Atualizado em: 23/01/2018 12:28

Jorge, ana Clara, Ayrton e Eva foram os primeiros a entrar na casa. Foto: Paulo Belote/Globo
Jorge, ana Clara, Ayrton e Eva foram os primeiros a entrar na casa. Foto: Paulo Belote/Globo

A família Lima, os primeiros participantes a entrar na casa do BBB18, está se tornando o centro de polêmicas nas redes sociais após ter publicações antigas com teor preconceituoso reavivadas. Popular na plataforma Vine, muito utilizada entre 2012 e 2015, na qual publicava vídeos curtos com piadas, Ana Clara acumula muitos seguidores no Twitter, responsáveis por localizar posts nos quais critica pessoas gordas e homossexuais. 

Quer receber notícias sobre cultura via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (81) 99113-8273 e se cadastre 

"Na moral, menino viadinho é difícil. Para de ser mulherzinha, cara", disse Ana Clara em uma publicação de janeiro de 2014. "Não suporto gorda que se acha magra e fica usando roupinha de magra. Por favor, me poupe, né", disparou em um tweet de 2013. "Sem preconceito com gorda, mas, por favor, tenham noção, né! Você pode até se sentir bem, mas botar uma coisa que você tá quase embalada a vácuo é sacanagem", diz, em outra. 




Ayrton Lima, seu pai, foi criticado por Ana Paula Renault, participante do BBB16. Um internauta encontrou um tweet no qual ele ameaçava "bater na bunda" dela. "Tu deu sorte da produção ter colocado o c**** do Laércio. Comigo tu surtaria na casa. Dava logo um tapa nessa tua bunda furada", disse ele, há dois anos. "Olhem o naipe do pai. Vai dar tapa na minha bunda, vai?! Temendo pelas mulheres da casa", comentou ela, afirmando que a família é "desnecessária em todos os sentidos". 












Ao lado de Ayrton e Ana Clara, entraram na casa, nesta segunda-feira (22), Eva (esposa de Ayrton) e Jorge, sobrinho do casal. Eles permanecerão na competição até o domingo (28), quando os espectadores votarão em quem deles deve sair. Os dois que ficarem, serão considerados apenas uma pessoa no jogo e terão direito a um voto. Se forem indicados ao paredão, sairão juntos. 

Os demais participantes entram nesta terça-feira (23), quando o jogo deve começar de vez. Alguns usuários do Twitter defenderam Ana Clara alegando que os tweets são antigos e, por isso, ela deve ter mudado de opinião. A polêmica se ampliou, contudo, depois que vídeos da festa ocorrida da última madrugada, na qual Ayrton dá um selinho considerado "demorado" na filha e depois deita sobre ela, pressionando as genitálias, se espalharam. 

Acompanhe o Viver no Facebook: 




Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.