• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Vídeo Alexandre Garcia é chamado de 'golpista' em avião. Assista Homem gritou diversas vezes contra apresentador da Globo, que pediu para falar com o comandante do voo

Por: Correio Braziliense

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 16/06/2017 09:11 Atualizado em: 16/06/2017 09:41

Apresentador do Bom Dia Brasil, Alexandre Garcia não respondeu as provocações. Foto: Globo/Reprodução
Apresentador do Bom Dia Brasil, Alexandre Garcia não respondeu as provocações. Foto: Globo/Reprodução

Depois da grande repercussão em torno do caso envolvendo Miriam Leitão, que foi hostilizada em um avião da companhia aérea Avianca, o jornalista Alexandre Garcia, da TV Globo, passou por situação semelhante nesta quinta-feira (15). Ele foi sucessivamente chamado de "golpista" por um militante de esquerda na área de embarque de um voo da Gol que ia de Brasília para Confins, Minas Gerais, no Aeroporto Internacional Juscelino Kubitschek.

Nas imagens gravadas pelo rapaz e divulgadas nas redes sociais, é possível perceber que os ataques verbais ao jornalista começaram já na fila de embarque e seguiram até dentro do avião. "Golpista! Vai ter Mimimiriam Leitão. Alexandre, você também vai soltar notinha se vitimizando igual a Miriam Leitão? Vocês que incentivam o ódio contra o PT, o PCdoB, contra a esquerda, vai ter mimimi também?", grita o homem. Apesar de não reagir às provocações, Alexandre pede para falar com o comandante do voo.

"Chamaram o comandante. Eles fazem terrorismo midiático o tempo inteiro e quando a gente faz uma 'pressãozinha' vão chamar o comandante, fica tranquilo que a gente não vai fazer nada além do que vocês fazem diariamente na casa das pessoas", voltou a dizer o homem. Ele se referia ao episódio relatado por Miriam Leitão em seu blog no jornal O globo, no qual afirmou ter sido vítima de violência verbal por parte de "profissionais do PT".

"Sofri um ataque de violência verbal por parte de delegados do PT dentro de um voo. Foram duas horas de gritos, xingamentos, palavras de ordem contra mim e contra a TV Globo. Não eram jovens militantes, eram homens e mulheres representantes partidários. Alguns já em seus cinquenta anos. Fui ameaçada, tive meu nome achincalhado e fui acusada de ter defendido posições que não defendo", desabafou ela no texto, publicado na última terça-feira (13). 


Assista ao momento em que Alexandre Garcia é chamado de "golpista":

 

Acompanhe o Viver no Faceboook: 

 

 



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.