• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Natureza Galvão Bueno ajuda no resgate de tartaruga-marinha em Fernando de Noronha Apresentador auxiliou membro do Projeto Tamar na identificação do animal ameaçado de extinção

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 15/06/2017 10:52 Atualizado em: 15/06/2017 11:23

Nas redes sociais, narrador descreveu a experiência como "única na vida". Foto: Instagram/Reprodução
Nas redes sociais, narrador descreveu a experiência como "única na vida". Foto: Instagram/Reprodução

O narrador Galvão Bueno viajou para a ilha pernambucana de Fernando de Noronha para comemorar o Dia dos Namorados com a esposa, Desirée Soares. O carioca aproveitou a visita para conhecer mais a respeito do Projeto Tamar, que luta pela preservação de tartarugas-marinhas ameaçadas de extinção, e ajudou membros da ONG na captura de um dos animais. Em vídeo divulgado nas redes sociais, Galvão auxilia na colocação de um localizador, que permite o mapeamento das tartarugas por parte da instituição. 

"É uma honra estar aqui em Fernando de Noronha, o Projeto Tamar, com essa coisa maravilhosa. Não estou fazendo mal a ela não, tiramos ela da água e vamos devolver já já. É uma coisa espetacular, maravilhosa, experiência única na vida", descreve o apresentador da Globo. Um dos membros do Projeto Tamar explicou, no vídeo, mais sobre a prática: "Essa é a identidade dela. Esses animais que a gente recaptura há 14 anos são tão acostumados que, quando eles nos veem embaixo d'água, já mostram [a nadadeira] assim". 

"Então, amanhã, quando eu mergulhar e ver um animal com dois lacres azuis, já não vou mais retirá-lo da água", acrescentou. No vídeo, Galvão e o homem devolvem a tartaruga ao mar. Os dois estavam sendo filmados por diversas pessoas no momento. Além do jornalista, que deve permanecer na ilha até o final da semana, o cantor Durval Lelys também está em Fernando de Noronha a passeio. 

Assista ao vídeo:


Acompanhe o Viver no Faceboook: 



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.