• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
TV Selton Mello protagoniza nova série da Netflix sobre corrupção no Brasil Criada por José Padilha, produção iniciou as filmagens e será rodada em São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba e Brasília

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 09/05/2017 14:42 Atualizado em: 09/05/2017 16:39

Selton Mello fará o papel de um delegado aposentado da polícia federal. Foto: Mark Leibowitz/Divulgação
Selton Mello fará o papel de um delegado aposentado da polícia federal. Foto: Mark Leibowitz/Divulgação

O ator Selton Mello vai protagonizar a nova série original da Netflix, O mecanismo, inspirada nas investigações de corrupção em empresas de petróleo e construção, estatais e privadas do Brasil. As filmagens de começaram neste fim de semana. A série terá oito episódios e será rodada em São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba e Brasília. 


Na trama, Selton Mello fará o papel de um delegado aposentado da polícia federal e a atriz Carol Abras será uma agente federal ambiciosa. Este é o segundo projeto da Netflix com Padilha, autor de Narcos, série estrelada por Wagner Moura. A produção marca a estreia de Selton na plataforma de streaming. Antes disso, ele estará de volta ao cinema como diretor de O filme da minha vida, adaptado do livro Um pai de cinema (Antonio Skármeta). A estreia do filme está prevista para agosto. O ator que esteve no elenco de Ligações perigosas, Meu nome não é Johnny e O palhaço, é lembrado por papeis como Chicó de O Auto da Compadecida e Leléu, do filme Lisbela e o prisioneiro.

O mecanismo é escrita por Elena Soarez com colaboração de Sofia Maldonado, e dirigida por José Padilha, Marcos Prado e Felipe Prado. Também estão no elenco Enrique Diaz (Justiça, Felizes para sempre?), Lee Taylor (A pedra do reino; Velho Chico, Riocorrente), Antonio Saboia (O lobo atrás da porta; Fora da lei), Jonathan Haagensen (Cidade de Deus; Noel, Poeta da Vila), Alessandra Colasanti (A verdadeira história da bailarina de vermelho), Leonardo Medeiros (Cabra-cega, Onde quer que você esteja), Otto Jr. (Malhação, O abismo prateado), Susana Ribeiro (O dono do mundo, Meu bem querer), entre outros. A estreia mundial está prevista para 2018 e já tem mais duas temporadas confirmadas. 

Acompanhe o Viver no Facebook:




Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.